AS APARIÇÕES DE JACAREÍ-SP-BRASIL SAIBA MAIS! @Marcostaddeu Informe-se pelo TEL: (0XX12) 9 9701-2427 e-mail: santuariodejacarei@gmail.com BLOG OFICIAL

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

A Aparição de Nossa Senhora da Esperança em Pontmain - (França) + 1871

17 DE JANEIRO ANIVERSÁRIO DAS APARIÇÕES
FILME: VOZES DO CÉU 7 - APARIÇÃO DE NOSSA SENHORA EM PONTMAIN (FRANÇA) 1871
Edição e narração do vidente Marcos Tadeu Teixeira
Santuário das Aparições de Jacareí - SP - Brasil
PEDIDOS DESTE FILME PELO TELEFONE DO SANTUÁRIO: 0XX12 99701 2427
Nossa Senhora
de 
Pontmain


JACAREÍ, 15 DE JANEIRO DE 2012
CAPELA DO SANTUÁRIO DAS APARIÇÕES DE JACAREÍ – SP – BRASIL
FESTA DO 79º ANIVERSÁRIO DAS APARIÇÕES DE BANNEAUX-BÉLGICA À VIDENTE MARIETTE BECO (1933) E
141º ANIVERSÁRIO DA APARIÇÃO DE PONTMAIN – FRANÇA
MENSAGEM DE MARIA SANTÍSSIMA
COMUNICADA AO VIDENTE MARCOS TADEU TEIXEIRA

(Marcos: ) “Para sempre sejam louvados Jesus, Maria e José”
“Sim amada Senhora!”

MENSAGEM DE MARIA SANTÍSSIMA

“Meus filhos amados, hoje, quando vós comemorais o ANIVERSÁRIO DA MINHA PRIMEIRA APARIÇÃO EM BANNEAUX , a Minha filhinha MARIETTE BECCO, Eu venho novamente do Céu para dizer-vos:
SOU A MÃE DO SALVADOR, SOU A MÃE DO SENHOR. SOU A VERDADEIRA MÃE DE DEUS!
Vim para aliviar o sofrimento. Rezai muito! Crede em Mim e Eu acreditarei em vós!

CONFIAI NAS MINHAS MENSAGENS.
OBEDECEI AS MINHAS MENSAGENS.
ACREDITAI NAS MINHAS MENSAGENS.

E depois quando Eu ver verdadeiros frutos de conversão e santidade na vossa vida, Eu crerei em vós, Eu realizarei em vós grandes graças do Meu Coração Imaculado e vos reconhecerei por Meus verdadeiros filhos, dignos do Meu Amor, dignos da Minha Misericórdia, dignos da Minha ajuda e do Meu socorro!
Vivei de tal modo que vós verdadeiramente sejais como a Minha filhinha Mariette Becco era: obediente, dócil, pronta, perseverante, generosa, corajosa, verdadeiramente temente a Deus, leal, fiel e completamente, completamente cheia de amor por Mim... Sede assim! Como a Minha filhinha Mariette era para que Eu possa verdadeiramente comprazer-Me em vós, alegrar-Me em vós, descansar em vós, ser glorificada em vós por vossas obras de amor.

Eu vim a Banneaux para chamar os Meus filhos do mundo inteiro à oração sempre mais ardente, profunda, pura, feita Comigo e por meio de Mim, que tudo pode alcançar do Senhor mesmo a conversão dos mais duros de coração. Foi por isso que realizei a conversão do pai da Minha filhinha Mariette Becco, para mostrar ao mundo todo que as orações de Mariette conseguiram junto com as Minhas, a conversão do seu pai que há tanto tempo estava afastado de Deus e de Mim.

NINGUÉM ESTÁ PERDIDO! SE VÓS REZARDES, SE VÓS PERSERVERARDES NA ORAÇÃO PELA CONVERSÃO DOS PECADORES, VEREIS A CONVERSÃO DE MUITOS DELES! VEREIS A SALVAÇÃO DE MUITAS ALMAS, MUITAS ATÉ DOS VOSSOS ENTES QUERIDOS!

Por isso filhinhos, segui confiantemente na oração REZANDO MUITOS ROSÁRIOS POR DIA como a Minha filhinha Mariette que chegava até mesmo a rezar seis Rosários por dia por Meu amor no meio da neve, da chuva e do frio.

Rezai! Fazei penitencia! E assim, Eu poderei converter uma verdadeira multidão de almas dos Meus pobres filhos que estão no pecado mortal e que precisam da ajuda das vossas orações para poderem serem salvas.

O Meu Coração, o Meu Amor Materno, quer chegar até a esses Meus filhos mais afastados, mais vitimados por Satanás nestes tempos da grande apostasia. Por isso vos peço: REZAI MUITO! Ide de cada em casa. Rezando, fazendo os Cenáculos que Eu vos mandei para que assim , por meio da vossa oração, da vossa intercessão, do vosso exemplo, das Minhas Mensagens que vós deveis levar SEM MEDO à todos os Meus filhos, Eu possa convertê-los, Eu possa trazê-los novamente para os braços do Meu Filho Jesus como Eu fiz com o pai da Minha filhinha Mariette Becco e com tantos pecadores que em Banneaux, ao longo dos anos, me encontraram, abriram seus corações para Minha Graça e por meio deles, Eu pude reconduzir tantas e tantas almas juntamente com eles mesmos, para o Coração, para o Aprisco do Meu Filho Jesus....

Eu vim a Banneaux para ensinar ao mundo a fazer PENITÊNCIA, por isso Eu submeti a Minha filhinha Mariette a um teste de penitencia não aparecendo para ela por muitos dias, deixando-a rezando só! De joelhos na neve e no frio para que ela junto com a oração e a penitência pudesse alcançar a conversão de tantos pecadores e assim, desde Banneaux, desde a Minha filhinha Mariette Eu pudesse dar ao mundo um exemplo de oração, de perseverança, de fidelidade ao Meu amor e de verdadeira penitência.

Assim, em Banneaux, vós aprendeis a ser pobres de espírito como Eu fui, como a Minha filhinha Mariette foi.
Vós aprendeis a vos desapegar-vos de tudo aquilo que ainda vos escraviza , vos afasta de Deus e de Mim, vos arrasta no pó da terra dos vícios, das prisões espirituais deste mundo onde as criaturas vos arrastam para longe de Deus e onde jazem cativos todos aqueles que desprezaram o amor de Deus, que desprezaram o Meu amor, que vos torna livres para preferir o amor das criaturas. Que debaixo da falsa aparência de ‘libertar-vos de Deus e de Seus Mandamentos’, vos torna escravos do pecado, do mundo, de vós mesmos e de Satanás.

Quão grande é a vossa miséria espiritual nestes tempos Meus filhos! Quão grande e vasta é a vossa escravidão!
Vós, ao proclamar a vossa ‘independência’ a vossa libertação de Deus, dos Seus Mandamentos e da Fé Católica, vós vos tornastes escravos de Satanás, escravos de tudo aquilo que a natureza humana tem de mais baixo, tem de mais vil, tem de mais cruel e violento. Por isso, os homens deste tempo são os mais desumanos, os mais impuros, os mais desleais, os mais desonestos, os mais violentos, os mais sanguinários e dão vazão a todo o tipo de baixeza que Satanás lhes inspira e lhes sugere.

Eu venho, portanto, vos chamar, desde Banneaux, desde Jacareí, desde Medjugorje, desde El Escorial a terdes um coração semelhante ao Meu, pobre dos apegos deste mundo, pobre das escravidões materiais deste mundo para ter o vosso coração repleto dos tesouros da graça, do amor e da sabedoria de Deus.

Em Banneaux, tal como aqui, tal como em Lourdes, tal como em El Escorial e em outros locais, Eu abençoei uma Fonte para vós, para aliviar o vosso sofrimento! Uma Fonte para todas as Nações, para converter os pecadores.
Nestas Minhas Fontes Benditas, concedo-vos todo tipo de graças. Derramo-vos todo o tipo de favores e bênçãos do Meu Coração para o corpo e para a alma.

Aqueles que confiam em Mim, aqueles que acreditam que Eu abençoei estas Fontes e que verdadeiramente confiam na Minha Palavra encontram nestas águas que Eu abençoei, todo o alívio para o seu sofrimento, toda a paz para as suas almas, todo o bem, todo o remédio, para os males desse tempo.

Aqueles que não confiam em Mim,aqueles que não Me buscam que não buscam a Minha Misericórdia nas Minhas Aparições, nas Fontes que Eu abençoei nestes lugares Sagrados, continuam desesperados,amargurados, aflitos, continuam verdadeiramente sem saber para onde ir...

Prova de grande falta de fé em Mim, é o recorrerem a outras coisas, lugares e pessoas para terem alívio nos seus sofrimentos, para encontrarem a resposta dos seus problemas, quando no lugar das Minhas Aparições Aqui, em Banneaux, em El Escorial, em Lourdes, em Fátima, em La Salette e em tantos lugares, Eu dei a FONTE DAS GRAÇAS DO MEU CORAÇÃO onde recebeis todas as Bênçãos, todos os auxílios do Céu e do Meu Coração Imaculado.

Vinde a Mim com confiança! Bebei desta Água com confiança e Eu vos darei sempre mais paz, graça, amor, alegria!
Eu vim à Banneaux para chamar todos os Meus filhos a fazerem parte do Meu grande exercito, do Meu grande plano de salvação que agora, Aqui, nestas Aparições de Jacareí, deverá ser levado a cabo e a Sua plena e perfeita realização.

O TRIUNDO DO MEU CORAÇÃO IMACULADO SE DARÁ EM BREVE e Banneaux mesmo é a prova de que Eu e o Meu Coração Imaculado triunfaremos sobre toda incredulidade, sobre todo o ceticismo, indiferença, frieza e contrariedade dos homens ateus a Mim e ao Meu plano de salvação.

MEU CORAÇÃO IMACULADO JAMAIS CONHECEU DERROTA DEFINITIVA PARA SATANÁS, e é por isso que em breve Meu Pé o esmagará, pisará na sua cabeça e o Mundo todo sairá da grande escravidão na qual vive para conhecer uma era nova de paz, graça, amor divino e santidade.

A vós Meus filhos, peço apenas docilidade, obediência completa ás Minhas Mensagens, confiança e esperança no Meu Coração Imaculado. Assim como nunca abandonei a Minha filhinha Mariette Becco ao longo de toda vida dela, nunca vos abandonarei! Eu estarei sempre convosco Minhas crianças!

Vós já tendes os vossos nomes gravados no Meu Imaculado Coração e em breve a Mãe do Céu, trará para vós uma nova vida e um novo tempo que nunca a humanidade viu nem jamais conheceu.
Estou convosco em todos os vossos sofrimentos, cubro-vos com Meu Manto e estarei sempre atenta a voz das vossas súplicas.

Continuai com todas as orações que Eu vos dei Aqui, continuai a divulgar as Minhas Mensagens, pois por meio Delas, salvarei muitas almas para a maior gloria de Deus e a exaltação da devoção ao Meu Coração Imaculado e a verdade das Minhas Aparições Aqui.
Amo-vos muito, a vós todos que ficastes aqui durante todas estas horas rezando, meditando, ouvindo as Meditações do Meu filhinho Marcos, pela boca do qual falei aos vossos corações, iluminei as vossas almas neste dia.

Sobre todos vós agora, desce a Minha Benção generosa de BOHAN, de BANNEAUX e de JACAREÍ.

Ficai na Paz do Senhor filhos Meus. A Paz a ti Marcos, o mais esforçado e queridos dos Meus filhos!”

(Marcos:) “Sim Minha Senhora! Eu já o comecei e gostaria que a Senhora me dissesse se tem algo especial que a deseja que eu coloque nele...” (pausa)”Até breve!” 
Finaliza-se a Aparição, os escravos tocam os sinos em reverência à Belíssima Senhora do Céu.


Nossa Senhora
de
Pontmain


VIDENTES DA APARIÇÃO DE PONTMAIN:


FASES DA APARIÇÃO DE PONTMAIN - NOSSA SENHORA DA ESPERANÇA:

1ª FASE DA APARIÇÃO DE PONTMAIN
2ª FASE DA APARIÇÃO DE PONTMAIN

3ª FASE DA APARIÇÃO DE PONTMAIN

4ª FASE DA APARIÇÃO DE PONTMAIN

5ª FASE DA APARIÇÃO DE PONTMAIN

PINTURA RETRATANDO O MOMENTO DA APARIÇÃO:


HISTÓRICO

Em Janeiro de 1871, Paris está cercada pelo exército da Prússia que há três anos mantém prisioneiro Napoleão III. Pontmain situa-se entre a Bretanha e a Normandia
A aparição de Pontmain marca o fim da invasão prússica da Bretanha mas, pelo simbolismo dos diferentes quadros que se sucedem, ultrapassa o âmbito deste acontecimento.
17.30 h - Eugéneo Berbedette (12 anos), o irmão José (10 anos), e o pai pisam giestas numa granja para fazer cama para os animais.
Jeanette Detais, "a coveira", entra, interrompendo o trabalho, pondo-se à conversa sobre a guerra com o pai das crianças. Eugénio sai "para ver o tempo".
A cerca de sete metros, por cima do telhado da casa dos Guidecoq, a uns seis metros de altura, Eugénio vê um sítio no céu com menos estrelas. Subitamente, por cima e ao meio do telhado, vê uma Bela Senhora sorridente que olha para a criança com um ar de bondade delicada e terna. Está vestida com um fato à oriental, amplo e de cor azul. Este fato azul (foi feita a associação com a cúpula da igreja de Pontmain, que naquela época estava pintada e salpicada de estrelas douradas), semeado de estrelas de ouro, vai do pescoço aos pés. As mangas são largas e descem até às mãos. A Senhora tem sapatos azuis como o vestido, e sobre o peito do pé, uma fita de ouro forma um anel semelhante a uma roseta bem desenhada. Um véu preto lançado para trás cai até metade das costas. A cabeça da Senhora está enquadrada por três estrelas em forma de triângulo. Tem uma coroa de ouro, espécie de diadema, duma altura de cerca de vinte centímetros, cingida por um galão vermelho mais ao menos a meio que se ia alargando como um cone truncado e voltado para baixo. A Senhora tinha as mãos estendidas e baixadas como na aparição da Medalha Milagrosa.
Durante toda a noite, três estrelas dispostas em triângulo fixam o local da aparição; a cabeça da Senhora precisamente no meio. As estrelas desaparecerão com ela.

As etapas da Aparição

Enquanto esperam a chegada do prior da paróquia, as pessoas presentes recitam o terço dos mártires do Japão (A pequena coroa dos mártires japoneses, ou pequeno terço, aprovada por Pio IX no momento da canonização dos mártires japoneses, é recitada para solicitar a protecção dos mártires à Igreja e a conversão do Japão e do Extremo Oriente.)
Recita-se do seguinte modo: a) sobre a cruz, os actos de fé, esperança e caridade; b) em cada uma das contas pequenas, as invocações "Doce coração de Maria, sede a minha salvação", "Meu Jesus, misericórdia"; c) Nas contas grandes: "Pai eterno, ofereço-vos o Sangue preciosíssimo de Jesus Cristo em expiação dos meus pecados e pelas necessidades da Santa Igreja."
Quando o coração de Maria é invocado e o sangue de Cristo oferecido ao Pai, a aparição torna-se mais nítida aos olhos das crianças.
Primeiro, um oval dum azul semelhante ao do fato forma-se em torno da visão. Depois, quatro castiçais simples, com quatro velas, aparecem fixados no interior do oval, dois à altura dos ombros da Senhora, os outros dois à altura dos joelhos. Finalmente sobre o peito da visão, à esquerda, uma pequena cruz vermelha, do tamanho de um dedo. Foi no seu coração trespassado por uma espada que Nossa Senhora sofreu toda a Paixão.
Na sequência, os diversos momentos da aparição, desenrolaram-se pontuando a oração dos paroquianos reunidos em torno do seu pastor.
Mas, vejamos o filme da aparição antes de tentarmos descobrir-lhe o sentido escondido. Tendo tido início às cinco horas e meia, durou até às vinte e uma.
A Virgem cheia de estrelas não pára de sorrir, passado todo este tempo em que se apresenta na noite estrelada.
No entanto, Maria cai na tristeza, porque a multidão pôs-se à conversa, a discutir, a brincar, esquecendo a sua presença.

Primeira oração: o terço.

O sacerdote repõe a ordem e a decência mandando rezar e, naturalmente, a primeira oração que dirigem à Virgem Maria é o terço.
Todos se ajoelham. Neste momento a Senhora começa a crescer… Terminado o terço, o seu tamanho está pelo dobro, não tendo os pés saído do sítio.
Também a estrela se elevou progressivamente, a estrela que está no cimo do triângulo.
O oval também aumentou na mesma proporção.
Para além disto, enquanto a multidão reza, as estrelas do vestido multiplicam-se. Nascem a alguns centímetros de Maria, depois vêm colocar-se sobre a túnica, irregularmente e harmoniosamente, como as estrelas do firmamento. No final, o fato da Virgem "formigava" de estrelas.
Quanto às estrelas que pareciam estar no céu, à medida que vão sendo escondidas por Maria que cresce, afastam-se, reordenam-se, depois descem ao longo do corpo virginal e, sob os pés, fora do oval azul, reúnem-se num enxame. Os videntes contaram cerca de quarenta.
A Virgem Maria quis assim manifestar o lugar privilegiado do Terço nas orações que lhe são dirigidas, e quanto esta oração é poderosa sobre o seu coração.

Segunda oração: o Magnificat.

Terminado o terço, o Prior fez entoar o Magnificat. Desde os primeiros versículos, uma faixa branca do comprimento do telhado da casa, de cerca de um metro de largura, estende-se subitamente aos pés de Nossa Senhora. Pouco a pouco, letras douradas vão-se desenhar aí em maiúsculas vulgares - Um M, depois um A, depois um I, e finalmente, um S. A palavra MAIS ('mas' em português) permanece sozinha na faixa durante um dezena de minutos. Finalmente, outras letras aparecem. No final do Magnificat a faixa tem:

MAS REZAI, MEUS FILHOS.

São cerca de dezanove horas e meia da tarde. Quando as discussões em volta das crianças soletrando as letras, são demasiado vivas, a Virgem deixa de sorrir.

Terceira oração : as litanias da Santíssima Virgem.

As litanias seguem-se ao Magnificat.
"É preciso, diz o Prior, pedir à Santíssima Virgem que manifeste a sua vontade. "
Quase de imediato, as crianças gritam : "Eis que mais uma vez alguma coisa aparece, é um D! É um I! ('Dieu' é a palavra que aparece; Deus, em português.)

DEUS VOS ATENDERÁ EM POUCO TEMPO

Depois desta última palavra, um ponto grande como o sol.
A multidão ergue-se numa indizível esperança.
Ora, a Aparição mantinha-se no céu, por cima do telhado da casa dos Guidecoq. A dona da casa, segura de que as crianças estavam alucinadas, entra para casa. Volta a sair, empurrada pela curiosidade e igualmente incrédula, durante o cântico das Liatnias. Foi então que ficou cilindrada, projectada de joelhos e confundida.

Quarta oração: A Inviolata

Depois das Litanias, entoam a Inviolata. Estavam em "O Mater Alma Christi Carissima", quando brotaram as palavras:

O MEU FILHO

E então, ficou a saber-se sem sombra de dúvida quem era a Senhora coberta de estrelas, tão celeste e tão profundamente maternal.

Quinta oração: Salvé Rainha.

Durante o cântico da Salvé Rainha, a frase, por um tempo suspensa, continuou.
Nossa Senhora traz a sentença da Misericóridia:

O MEU FILHO
DEIXA-SE TOCAR

Um traço grosso sublinha esta segunda linha.

Sexta oração: Mãe da Esperança

Para parar os comentários que se tornavam num falatório dos habitantes da aldeia, reunidos em volta das crianças, o Prior fez entoar o cântico tradicional de Pontmain.
"Mãe da Esperança cujo nome é tão doce.
Protegei nossa França. Rezai por nós. Rezai por nós"
A Santíssima Virgem, sorrindo mais do que nunca "com o mais belo sorriso que pudemos contemplar durante a aparição", escreverá José Berbedette, eleva as mãos à altura dos ombros, os cotovelos ligeiramente apoiados dos lados, as mãos um pouco inclinadas para trás, a palma virada para as crianças. O braço esquerdo assim elevado não escondia a pequena cruz vermelha que se encontrava sobre o coração.
"Olha, Ela ri", gritam as crianças.
A virgem agita delicadamente os dedos. No final do cântico a faixa apaga-se.

Sétima oração: o cântico "Meu doce Jesus, finalmente eis o tempo de perdoar aos nossos corações penitentes", entrecortado pelo "Parce Domine".

Este cântico, tão popular como o primeiro, segue-se-lhe. E de repente, sem que desta vez houvesse culpa da multidão, Maria, por uma segunda vez, cai na tristeza.
Forma-se um crucifixo, um pouco à frente de Maria. Ela baixa de imediato os braços para o agarrar.
A cruz é vermelha escura, cor de sangue venoso das veias; o Cristo, vermelho vivo, como o sangue arterial. Tem a cabeça inclinada para a esquerda.
O sangue de Cristo não escorre. Nenhum movimento que indique vida.
Este estranho crucifixo tem por cima um trave branca um pouco mais curta que os braços da cruz e tem escrito em letras de sangue:

JESUS CRISTO

Maria agarra o crucifixo um pouco acima dos pés de Cristo, com as duas mãos, a mão esquerda por cima da direita, inclinando-o ligeiramente para a terra.
A imensa tristeza de Maria contagiou a multidão.
Desde o início do cântico, uma das estrelas que tinha vindo colocar-se como que a fazer um pedestal à Virgem, põe-se em movimento e, entrando no oval, vai acender as quatro velas em torno dela. A virgem tem os olhos baixos. Olha para o Crucifixo. Os seus lábios mexem. Não deita lágrimas, mas a sua tristeza é inexprimível.

Oitava oração: Ave Maris Stella.

No Final do cântico "Meu doce Jesus", o Prior canta o hino "Ave Maris Stella". Imediatamente o Crucifixo desaparece. A Estrela da manhã retoma a sua posição hierática, de braços caídos, estendidos, as palmas cheias de graça.
Duas pequenas cruzes brancas foram como que plantadas sobre os ombros de Maria, enquadrando-lhe o rosto.
No entanto, sob o sorriso reencontrado, transparece agora um pouco de gravidade, como a sombra das Sete Dores da Mãe do Filho do homem.
O Prior convidou a que se fizesse a oração da noite. Então, elevando-se pouco a pouco, um véu branco cobriu a Aparição e tudo desapareceu quando a oração da noite terminou. Eram cerca das 9 da noite.
O presente é ainda sombrio.

Reconhecimento pela Igreja
Depois do processo canônico, o bispo de Laval reconheceu a autenticidade da aparição de Pontmain por decreto de 2 de Fevereiro de 1872. A Igreja confirmou este decreto em 1920.

VITRAIS NA BASÍLICA DO SANTUÁRIO DE PONTMAIN




BASÍLICA DO SANTUÁRIO DE PONTMAIN
BASÍLICA DO SANTUÁRIO DE PONTMAIN

DEFESA DAS APARIÇÕES DE JACAREI

DEFESA ÀS APARIÇÕES DE JACAREÍ


(FEITA POR UM PEREGRINO, AO CONTEMPLAR UM VÍDEO FALANDO MAL DAS MESMAS CITADAS ACIMA, E SOBRE A CARTINHA DO BISPO DA ÉPOCA, ALEGANDO QUE AS APARIÇÕES NÃO ERAM VERDADEIRAS)


NÃO SEI QUEM FEZ MAS PRA MIM ESSA PESSOA MERECIA UMA MEDALHA DE HONRA DE NOSSA SENHORA POR ESTA BELA DEFESA

"Quando você diz que devemos dar ouvidos ao que os padres dizem a respeito das aparições de Jacareí, corre em um ledo engano, pois, a “opinião pessoal” deles é que não pode ser elevado ao nível de “dogma de fé”. As cartas de Dom Nelson são muito citadas pelos que latem que estas Sagradas Aparições são falsas. Portanto, mister se faz alguns esclarecimentos. Há duas cartas oficiais onde este indigitado bispo trata da matéria “aparições”. Uma primeira, publicada em 1996, enquanto o mesmo ainda era bispo de São José dos Campos (diocese a qual pertence Jacareí). Nesta, não há menção alguma ao nome do Profeta Marcos Tadeu Teixeira, muito menos, excomunhão, há somente algumas orientações pastorais. A segunda, publicada em 2007 e republicada em 2011, realmente traz explicitamente o nome do Profeta Marcos Tadeu Teixeira, porém, nesta, a palavra “excomunhão” é sequer mencionada.

Ainda há um probleminha com esta segunda carta. O dito bispo (certamente pela providência de Nossa Senhora) foi transferido para a diocese de Santo André/SP em 2003, e, observem, a segunda carta publicada por ele ocorreu no ano de 2007, quando já havia deixado de ter jurisdição eclesiástica sobre a cidade de Jacareí. Portanto, o mesmo, ao editar esta carta, violou a jurisdição eclesiástica conferida a ele pela Igreja, e, ainda, violentou gravemente a autoridade de Dom Moacir, então, bispo da Diocese de São José dos Campos, que, se quisesse, poderia ter criado o maior caso com isso, pois Dom Nelson desrespeitou frontalmente e atropelou sua autoridade eclesiástica, uma verdadeira afronta. Então eu lhes pergunto, vocês ainda vão dar credibilidade a um documento irregular e eivado de vícios como esse?

Vale lembrar, que não é obrigatório seguir estas cartas circulares dos bispos. Não há heresia nem cisma nisso. Um católico somente pode ser acusado de cismático ou herege se atentar contra os Dogmas de Fé. Que eu saiba, carta circular de bispo não é Dogma de Fé. Como a primeira carta de Dom Nelson não condena as Aparições de Jacareí, e a segunda está irregular, pode-se dizer que não pesa condenação oficial e regular da Igreja sobre estas Santas Aparições. Além do mais, até o presente momento, Dom José Valmor, que atualmente tem jurisdição eclesiástica sobre Jacareí, não fez pronunciamento oficial sobre as mesmas. Documento oficial onde o Profeta Marcos foi excomungado, também é inexistente, portanto, qualquer informação que diga o contrário é fruto de pura “fofoca”.

Ressalto que em Jacareí, realmente, não damos tanta importância aos documentos do Vaticano. O que nós realmente valorizamos é a doutrina que nos foi transmitida pelos santos, como Santo Afonso, São Luiz, Santa Teresa, São João da Cruz, etc... Outro adendo que gostaria de acrescentar, diz respeito ao fato da obrigatoriedade ou não das Sagradas Mensagens Celestiais. A orientação predominante entre os teólogos católicos, de que não é obrigatório seguir as Aparições de Nossa Senhora, se funda em meras opiniões pessoais de alguns clérigos a respeito do assunto. Esta orientação não tem o caráter da infalibilidade papal e muito menos é um Dogma de Fé. Realmente, o catecismo atual traz algo nesse sentido, mas vale lembrar que o mesmo não recebeu o caráter da infalibilidade pelo Concílio Vaticano II. Bem ao contrário do Santo Catecismo do Concílio de Trento. Este sim, recebeu o caráter de infalível. Ocorre que nossa amada Igreja há muito se transviou de uma tradição bíblica milenar, através da qual o “Deus dos Exércitos” sempre manifestou sua vontade ao povo de Israel por meio de suas aparições aos profetas (mesmo fenômeno que ocorre com o, também, profeta Marcos Tadeu, pois os fenômenos miraculosos e de aparições que ocorrem naquele Santuário, são da mesma espécie dos verificados na Sagrada Bíblia).

Ora, nos tempos bíblicos não era através dos fariseus, saduceus, príncipes e doutores da lei (a Igreja oficial da época) que Deus dava as suas diretrizes ao povo eleito, mas sim, através dos profetas, em outras palavras, dos videntes. Nos primórdios do cristianismo, também ocorria assim, pois, a própria origem da nossa amada Igreja se funda nas “aparições” de Jesus aos apóstolos e discípulos. Então, por que esta tradição bíblica foi quebra? Será que é porque as aparições aos profetas cessaram? Errado, pois nos últimos 100 anos ocorreram mais de 1000 aparições de Nossa Senhora, dos santos e anjos, e até de Deus.
A pergunta correta é, por que o clero tenta abafar isso, pois grande parte, senão todas, destas aparições também foram acompanhadas de sinais miraculosos, como, curas inexplicáveis pela ciência, sinais na natureza, etc... Se Deus usava deste expediente nos tempos bíblicos, certamente deveria continuar a usá-lo nos tempos do catolicismo, pois uma grande verdade que a Teologia professa é que Deus é imutável. Não citarei as passagens bíblicas onde Deus manifesta sua vontade através dos videntes/profetas, pois se assim fizesse, teria que citar a Bíblia inteira, pois a própria formação e ensinamentos nela transmitidos se dão por este meio. Gostaria apenas de citar um pequeno exemplo de qual atitude deveremos tomar frente às Aparições de Jacareí, tomando por base a Bíblia. Saulo, quando se dirigia à cidade de Damasco e Jesus lhe “aparece” exclama: “Senhor, que queres que eu faça?” (At 9, 6). Naquela ocasião, Jesus disse a ele para procurar os fariseus e saduceus (a Igreja oficial da época)? Não! O ordenou que entrasse na cidade de Damasco e ali lhe seria dito o que deveria fazer. Beleza. E quem Deus enviou para Saulo? Os fariseus e saduceus (a Igreja oficial da época)? Não! Mas Ananias, um vidente. Como eu sei que Ananias era um vidente? As Sagradas Escrituras nos contam que foi uma aparição de Jesus que disse para ele ir procurar Saulo. É só conferir At 9, 10-16ss.

Outro exemplo foi Judas Iscariotes; este preferiu errar com a Igreja oficial da época (lembra né, fariseus e saduceus) que acertar sem ela. Bom... Errou mesmo! E segundo alguns santos místicos, como Maria de Ágreda, sua alma se encontra no inferno. Assim, a posição teológica defendida pela maioria dos teólogos atuais, de que as aparições não são obrigatórias, falando em termos de estudo teológico da atualidade, é perfeitamente passível de questionamento, e, inclusive, daria uma boa tese de doutoramento. É um posicionamento que pode ser mudado. Não é Dogma de Fé. Gostaria de finalizar este ponto dizendo o seguinte. Jesus tolerou para sempre aquela Igreja oficial da época (o judaísmo) que rejeitou o projeto que suas aparições aos Apóstolos (que também eram videntes) propunha? Claro que não!!! Por causa disso, Deus se retirou do meio daquela Igreja e passou a habitar no meio dos seus videntes, os apóstolos e discípulos, e, assim, surgiu a nossa amada Igreja Católica (Mt 21, 39-45).

Não é objetivo do Profeta Marcos Tadeu, nem de sua Ordem e muito menos de nós, a Milícia da Paz (formada por todos os fiéis seguidores daquele Santuário) provocar um cisma na Igreja. Nós apenas denunciamos os erros (prerrogativa esta, conferida aos leigos pelo próprio Concílio Vaticano II), lutamos para que a devoção a Nossa Senhora, aos santos e anjos seja colocada em seu devido lugar, e que as suas mensagens, e as dos demais santos, e até as de Deus, seja acolhida como nos tempos Bíblicos, pois acreditamos que se isto não for feito, irá se abater gigantescos cataclismos sobre a Terra, de uma tal magnitude que nunca houve, nem jamais haverá. Acreditamos que esta “palavra de Deus” transmitida nas aparições é o caminho e a única forma de salvar o mundo, e qualquer obra, ou pessoa, que ensine ou faça diferente do que elas dizem, é desprezada por nós. O motivo para isto é muito simples. Desde tempos remotos, as Aparições de Nossa Senhora (inclusive as não aprovadas pela Igreja) vêm dizendo o que aconteceria ao mundo se esta “palavra de Deus” não fosse obedecida. Resultado, tudo o que elas disseram, em um passado remoto, está se cumprindo na atualidade. Então, não há outra conclusão a se fazer, a não ser admitir que elas eram verdadeiras, e que o clero errou. Aliás, o histórico de erro do clero é algo realmente interessante. Basta citar a condenação que pesou durante 20 anos sobre as Santas Aparições de Jesus Misericordioso à Santa Faustina, e não foi por um “bispozinho” qualquer. Foi pelo próprio papa da época. Se não fosse a atuação do então Cardeal Karol Józef Wojtyła, futuro Papa João Paulo II, estas aparições estariam condenadas até os tempos atuais, e, certamente, você seria um grande opositor delas, não é? Infelizmente, como atualmente o número de Cardeais, e clérigos em geral, com este nível de espiritualidade é praticamente nulo... tadinha das aparições... snif. Praticamente nenhum deles entende de Teologia Mística, o estudo apropriado para se avaliar as aparições e estudá-las.

Além do mais, as aparições de La Salette, Lourdes e Fátima, para quem conhece mais a fundo sua história, verá que elas na verdade não foram aceitas pelo clero. Muito pelo contrário, este as combateu com todas as suas forças. Na realidade, o que ocorreu, é que os fiéis praticamente as fizeram descer goela abaixo na garganta do clero, de tal modo, que eles não tiveram outra opção a não ser aprová-las. E, mesmo nestas que foram aprovadas, o estrago que o clero fez é algo incomensurável. Não as divulgou como deveria; se o corpo incorrupto de Santa Bernadete estivesse no Santuário de Lourdes iria converter milhões de fiéis, no entanto está praticamente escondido no convento de Nevers; o corpo incorrupto de Santa Jacinta foi escondido dos fiéis; a esmagadora maioria dos vaticanistas da Itália é de acordo que, até hoje, o terceiro segredo de Fátima não foi revelado em sua integralidade; a consagração da Rússia não foi feita como Nossa Senhora pediu até os dias atuais, etc... E isso, só para citar os danos que me vem à mente neste momento.

No Santuário das Aparições de Jacareí, o Profeta Marcos está resgatando tudo aquilo que a Igreja e a sociedade tanto se esforçaram para extinguir, os escapulários, medalhas, mensagens, enfim, a salvação do mundo que Nossa Senhora nos revelou e ofereceu com tanto amor ao longo de suas aparições na história. Sem dúvida, lá está se cumprido a passagem da Escritura na qual se diz: “Por isso, todo escriba instruído nas coisas do Reino dos céus é comparado a um pai de família que tira de seu tesouro coisas novas e velhas...” Mt 13,52 É uma nova aparição que resgata todas, até as mais antigas. Portanto, se ainda quiserem seguir a doutrina da cabeça deste cara de que não precisamos de aparições, o problema é de vocês. Aliás, se formos pensar bem, porquê Deus, Nossa Senhora os anjos e os santos apareceriam, né? Afinal de contas, nosso mundo está uma verdadeira maravilha, não é? Não temos problemas de droga, prostituição, corrupção, degradação moral, depressão, decadência da Igreja, violência, roubos, assassinatos, guerras, miséria..., todos os sacerdotes são verdadeiros Serafins de santidade, enfim, o Vaticano está dando conta do recado... Só não está apresentando um desempenho melhor devido a um “pequeno” probleminha de tráfico de influência entre os altos clérigos, desvio de verbas do banco do Vaticano, looby gay entre os padres, pedofilia generalizada, um papa progressista e comunista..., mas, afinal de contas, são probleminhas fáceis de serem solucionados, né? É... Em um mundo maravilhoso e em ótimo funcionamento como esse, realmente não entendo o motivo de tantas aparições..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A SANTA MEDALHA DA PAZ

A MEDALHA DO AMANTÍSSIMO CORAÇÃO DE SÃO JOSÉ

A MEDALHA DA ROSA MISTICA

MÍSTICA CIDADE DE DEUS - VOL. 01 - REVELAÇÕES A SOROR MARIA DE JESUS DE AGREDA

MÍSTICA CIDADE DE DEUS - VOL. 02 - VIDA DE NOSSA SENHORA À SOROR MARIA DE JESUS DE AGREDA

LIVROS MISTICA CIDADE DEUS

LIVROS MISTICA CIDADE DEUS
ENTRE EM CONTATO PELOS TELEFONES ACIMA

A VIDA DE SÃO JOSÉ VOL.02 - REVELADA A IRMA MARIA CECÍLIA BAIJI

Santa Hora da Paz nº 5 - para ser rezada todos os dias as 08:00hs da noite

Santa Hora do Espírito Santo nº19 - para ser rezada todas as segundas-feiras as 09:00hs da noite

Santa Hora dos Santos Anjos nº19 - para ser rezada todas as terças-feiras as 09:00hs da noite

Santa Hora dos Santos Nº 36 - para ser rezada todas as quartas-feiras as 09:00hs da noite

TERÇO DA EUCARISTIA MEDITADO Nº 03

- para ser rezado em especial as quintas-feiras as 07:00hs da noite

SANTA HORA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS Nº04

para ser rezada todas as sextas-feiras as 09:00hs da noite

SANTA HORA DAS LÁGRIMAS DA MÃE DE DEUS PARA SER REZADA TODOS OS SÁBADOS AS 07:00HS DA NOITE

Santa Hora de São José 38 - para ser rezada todos os domingos as 09:00hs da noite

Follow by Email