AS APARIÇÕES DE JACAREÍ-SP-BRASIL SAIBA MAIS! @Marcostaddeu Informe-se pelo TEL: (0XX12) 9 9701-2427 e-mail: santuariodejacarei@gmail.com BLOG OFICIAL

sábado, 21 de abril de 2018

21 de Abril - São Conrado de Parzham

REDE SOCIAL, TV E RÁDIO

São Conrado de Parzham
1818-1894

João Birndorfer era o penúltimo dos dez filhos de Bartolomeu e Gertrudes, um casal de alemães católicos de profunda fé, que nasceu na pequena aldeia de Parzhan, em 1818, na Baixa Baviera.

Iniciou sua vida de oração, humildade e caridade quando ainda era menino e chamava a atenção pelos longos momentos em que permanecia em contemplação e penitência. Devemos ressaltar esses "longos momentos", que eram, na verdade, todo o tempo em que não estava na escola ou trabalhando com os pais nas propriedades rurais que a família possuía no vale do Rott, em Passavia.

João tinha quatorze anos quando perdeu a mãe. Dois anos depois, ficou órfão também de pai e resolveu entregar-se de vez à religião. Até os trinta e um anos de idade, permaneceu trabalhando com a família nos campos, mas, sentindo-se chamado à vida religiosa, entrou para o mosteiro-santuário dos capuchinhos de Santa Ana em Altoetting, onde vestiu o hábito de monge e assumiu o nome de Conrado, depois de dividir toda a sua fortuna com os pobres. Os anos que restaram de sua vida foram vividos trabalhando na mais completa humildade como porteiro daquele mosteiro-santuário.

Foram quarenta e três anos de dedicação ao próximo, principalmente quando se tratava de desamparados, mendigos, doentes, viúvas, crianças órfãs etc. Devoto de Maria e da eucaristia, era dotado de muitos dons, dentre os quais o que mais se destacava era o da profecia. O mosteiro de Santa Ana recebia, anualmente, milhares de romeiros que procuravam o santuário ali existente e todos voltavam para suas terras louvando o conforto espiritual e a ajuda material que recebiam de Conrado.

Ele, no seu ministério de evangelização quase silencioso, provocou um despertar de fé na região, cooperando com a obra benéfica em favor da infância abandonada e perigosa, conhecida na época com o nome de Liebeswerk, ganhando em vida a fama de santidade.

Morreu em 1894, após longos anos de jejum e penitências numa vida, à primeira vista, rude, mas que era pautada na simplicidade cristã, paciente e operosa, voltada para o amor ao próximo na figura de Jesus Crucificado, da Virgem Santíssima e da santa eucaristia.

Aprovados os milagres atribuídos à sua intercessão, depois de sua morte, o papa Pio XI beatificou-o em 1930 e, depois de uma rapidez insólita no processo de canonização, em 1934 ele próprio o inscreveu no livro dos santos. A festa litúrgica de são Conrado acontece no dia 21 de abril, dia de sua morte.

OUÇA UMA RÁDIO DIFERENTE ACESSE:
 radiomensageiradapazjacarei.blogspot.com.br

21 de Abril - Santo Anselmo

1033-1109

Anselmo fugiu de casa para poder tornar-se um religioso. Para ele o significado do ato ia além de abandonar a proteção paterna, significava esquecer toda a fortuna e influência que sua família possuía.

Anselmo nasceu em Aosta, no norte da Itália, em 1033, e seu pai freqüentava as rodas da nobreza reinante. Por isso projetou para o filho uma carreira que manteria e até aumentaria a fortuna do clã, razão pela qual se opunha rigidamente à vontade do filho de tornar-se sacerdote. Como Anselmo perdera a mãe muito cedo, e tinha um coração doce e manso, como registram os escritos, fez a vontade do pai até os vinte anos.

Mas, dentro de si, a tristeza crescia. Anselmo queria dedicar-se de corpo e alma à sua fé, contrária à vida mundana de festas em meio ao luxo e à riqueza. Estudava com os beneditinos e sua vocação o chamava a todo instante. Assim, um dia não agüentou mais e fugiu de casa.

Vagou pela Borgonha e pela França até chegar à Normandia, onde, então, se entregou aos estudos religiosos, sob a orientação do monge Lanfranco. Em pouco tempo, ordenou-se e formou-se teólogo. Tão rapidamente quanto sua alma desejava, viu-se eleito abade do mosteiro e professor. Passou, então, a pregar pelas redondezas e, como o cargo o permitia, a liderar a implantação de uma grande reforma monástica.

Como seu trabalho lhe trouxe renome, passou a influenciar intelectualmente na sua época, tanto espiritual quanto materialmente, por meio do que escrevia. Foram tantos os escritos deixados por ele que é considerado o fundador da ciência teológica no Ocidente.

Chegou a arcebispo-primaz da Inglaterra. Conta-se que enfrentou duras perseguições do rei Guilherme, o Vermelho, e de Henrique I. Mas tinha a fala tão mansa e argumentos tão pacíficos que com eles desarmava seus inimigos e virava o jogo a seu favor.

Anselmo morreu em Canterbury, com setenta e seis anos, no dia 21 de abril de 1109, e foi declarado "doutor da Igreja" pelo papa Clemente XI em 1720.

Revelações do Inferno por Santo Anselmo (parte I)

1. Jazem nas trevas exteriores. Pois, lembrai-vos, o fogo do inferno não emite nenhuma luz. Assim como, ao comando de Deus, o fogo da fornalha babilônica perdeu o seu calor mas não perdeu a sua luz, assim, ao comando de Deus, o fogo no inferno, conquanto retenha a intensidade do seu calor, arde eternamente nas trevas.

2. E uma tempestade que nunca mais acaba de trevas, de negras chamas e de negra fumaça de enxofre a arder, por entre as quais os corpos estão amontoados uns sobre os outros sem uma nesga de ar. De todas as pragas com que a terra dos faraós foi flagelada, uma praga só, a da treva, foi chamada de horrível. Qual o nome, então, que devemos dar às trevas do inferno, que hão de durar não por três dias apenas, mas por toda a eternidade?

3. O horror desta estreita e negra prisão é aumentado por seu tremendo cheiro ativo. Toda a imundície do mundo, todos os monturos e escórias do mundo, nos é dito, correrão para lá como para um vasto e fumegante esgoto quando a terrível conflagração do último dia houver purgado o mundo. O enxofre, também, que arde lá em tão prodigiosa quantidade, enche todo o inferno com o seu intolerável fedor; e os corpos dos danados, eles próprios, exalam um cheiro tão pestilento que, como diz São Boa-ventura, só um deles bastaria para infeccionar todo o mundo.

Revelações do Inferno por Santo Anselmo (parte II)


4. O próprio ar deste mundo, esse elemento puro, torna-se fétido e irrespirável quando fica fechado longo tempo. Considerai, então, qual deva ser o fétido do ar do inferno. Imaginai um cadáver fétido e pútrido que tenha jazido a decompor-se e a apodrecer na sepultura, uma matéria gosmenta de corrupção líquida. Imaginai tal cadáver preso das chamas, devorado pelo fogo do enxofre a arder e a emitir densos e horrendos fumos de nauseante decomposição repugnante. E a seguir imaginai esse fedor malsão multiplicado um milhão e mais outro milhão de milhões sobre milhões de carcaças fétidas comprimidas juntas na treva fumarenta, uma enorme fogueira de podridão humana. Imaginai tudo isso e tereis uma certa idéia do horror do cheiro do inferno.

5. Mas tal fedentina não é, horrível pensamento é este, o maior tormento físico ao qual os danados estão sujeitos. O tormento do fogo é o maior tormento ao qual o demo tem sempre sujeitado suas criaturas. Colocai o vosso dedo por um momento na chama duma vela e sentireis a dor do fogo. Mas o nosso fogo terreno foi criado por Deus para benefício do homem, para manter nele a centelha de vida e para ajudá-lo nas artes úteis, ao passo que o fogo do inferno é duma outra qualidade e foi criado por Deus para torturar e punir o pecador sem arrependimento.


6. O nosso fogo terrestre, outrossim, se consome mais ou menos rapidamente, conforme o objeto que ele ataca for mais ou menos combustível, a ponto de a ingenuidade humana ter-se sempre entregado a inventar preparações químicas para garantir ou frustrar a sua ação. Mas o sulfuroso breu que arde no inferno é uma substância que foi especialmente designada para arder para sempre e ininterruptamente com indizível fúria. Além disso, o nosso fogo terrestre destrói ao mesmo tempo que arde, de maneira que quanto mais intenso ele for mais curta será a sua duração; já o fogo do inferno tem esta propriedade de preservar aquilo que ele queima e, embora se enfureça com incrível ferocidade, ele se enfurece para sempre.

Revelações do Inferno por Santo Anselmo (parte III)


7. O nosso fogo terrestre, ainda, não importa que intensidade ou tamanhopossa ter, é sempre duma extensão limitada; mas o lago de fogo doinferno é ilimitado, não tem praias nem fundo. E está documentado que opróprio demônio, ao lhe ser feita a pergunta por um soldado, foi obrigadoa confessar que se uma montanha inteira fosse jogada dentro do oceanoardente do inferno seria queimada num instante como um pedaço decera. E esse terrível fogo não aflige os danados somente por fora, poiscada alma perdida se transforma num inferno dentro de si mesma, o fogosem limites se enraivecendo mesmo em sua essência. Oh! Quão terrível éa sorte desses desgraçados seres! O sangue ferve e referve nas veias; oscérebros ficam fervendo nos crânios; o coração no peito flamejando eardendo; os intestinos, uma massa vermelha e quente de polpa a arder;os olhos. coisa tão tenra, flamejando como bolas fundidas.

8. Ainda assim, quanto vos falei da força, da qualidade e da ilimitaçãodesse fogo é como se fosse nada quando comparado com a suaintensidade, uma intensidade que é justamente tida como sendo oinstrumento escolhido pelo desígnio divino para punição da alma assimcomo do corpo igualmente. Trata-se dum fogo que procede diretamenteda ira de Deus, trabalhando não por sua própria atividade, mas como uminstrumento da vingança divina. Assim como as águas do batismo limpamtanto a alma como o corpo, assim o fogo da punição tortura o espíritojunto com a carne.

9. Todos os sentidos da carne são torturados; e todas as faculdades daalma outro tanto: os olhos com impenetráveis trevas; o nariz com fétidosnauseantes; os ouvidos com berros, uivos e execrações; o paladar com matéria sórdida, corrupção leprosa, sujeiras sufocantes inomináveis; otato com aguilhões e chuços em brasa e cruéis línguas de chamas. Eatravés dos vários tormentos dos sentidos a alma imortal é torturadaeternamente, na sua essência mesma, no meio de léguas e léguas deardentes fogos acesos nos abismos pela majestade ofendida de DeusOnipotente e soprados numa perene e sempre crescente fúria pelo soproda raiva da Divindade.

Revelações do Inferno por Santo Anselmo (parte IV)


10. Considerai, finalmente, que o tormento dessa prisão infernal éacrescido pela companhia dos condenados mesmos. A má companhia,sobre a terra, é tão nociva que as plantas, como que por instinto,apartam-se da companhia seja do que for que lhes seja mortal oufunesto. No inferno, todas as leis estão trocadas lá não há nenhumpensamento de família, de pátria, de laços, de relações. O danado goelae grita um com o outro, sua tortura e raiva se intensificando pelapresença dos seres torturados e se enfurecendo como ele.

11. Todo o senso de humanidade é esquecido. Os lamentos dos pecadores a sofrerem enchem os mais recuados cantos do vasto abismo. As bocas dos danados estão cheias de blasfêmias contra Deus e de ódio por seus companheiros de suplício e de maldições, contra as almas que foram seus companheiros no pecado. Era costume, nos antigos tempos, punir o parricida, o homem que havia erguido sua mão assassina contra o pai,arremessando nas profundezas do mar num saco dentro do qual também eram colocados um galo, um burro e uma serpente.

12. A intenção desses legisladores, que inventaram tal lei, a qual parece  cruel nos nossos tempos, era punir o criminoso pela companhia de animais malignos e abomináveis. Mas que é a fúria dessas bestas estúpidas comparada com a fúria da execração que rompe dos lábios tostados e das gargantas inflamadas dos danados no inferno, quando eles contemplam em seus companheiros em miséria aqueles mesmos que os ajudaram e incitaram no pecado, aqueles cujas palavras semearam as primeiras sementes do mal em pensamento e em ação em seus espíritos, aqueles cujas sugestões insensatas os conduziram ao pecado, aqueles cujos olhos os tentaram e os desviaram do caminho da virtude? Voltam-se contra tais cúmplices e os xingam e amaldiçoam. Não terão, todavia, socorro nem ajuda; agora é tarde demais para o arrependimento.

13. Por último de tudo, considerai o tremendo tormento daquelas almas condenadas, as que tentaram e as que foram tentadas, agora juntas, e ainda por cima, na companhia dos demônios. Esses demônios afligirão os danados de duas maneiras: com a sua presença e com as suas admoestações. Não podemos ter uma idéia de quão terríveis são esses demônios. Santa Catarina de Siena uma vez viu um demônio e escreveu que preferia caminhar até o fim de sua vida por um caminho de carvões em brasa a ter que olhar de novo um único instante para tão horroroso monstro.
                                       
Revelações do Inferno por Santo Anselmo (parte V Final)

14. Tais demônios, que outrora foram formosos anjos, tornaram-se tão repelentes e feios quanto antes tinham de lindos. Escarnecem e riem das almas perdidas que arrastaram para a ruína. É com eles que são feitas, no inferno, as vozes da consciência. Por que pecaste? Por que deste ouvido às tentações dos amigos? Por que abandonaste tuas práticas piedosas e tuas boas ações? Por que não evitaste as ocasiões de pecado? Por que não deixaste aquele mau companheiro? Por que não desististe daquele mau hábito, aquele hábito impuro?

Por que não ouviste os conselhos do teu confessor? Por que, mesmo depois de haveres tombado a primeira, ou a segunda, ou a terceira, ou a quarta ou a centésima vez, não te arrependeste dos teus maus passos e não voltaste para Deus, que esperava apenas pelo teu arrependimento para te absolver dos teus pecados? Agora o tempo para o arrependimento se foi. Tempo existe,tempo existiu, mas tempo não existirá mais!

15. Tempo houve para pecar às escondidas, para se satisfazer na preguiça e no orgulho, para ambicionar o ilícito, para ceder às instigações da tua baixa natureza, para viver como as bestas do campo, ou antes, pior do que as bestas do campo, porque elas, ao menos, não são senão brutos e não possuem uma razão que as guie; tempo houve, mas tempo não haverá mais. Deus te falou por intermédio de tantas vozes, mas não quiseste ouvir. Não quiseste esmagar esse orgulho e esse ódio do teu coração, não quiseste devolver aquelas ações mal adquiridas, não quiseste obedecera os preceitos da tua Santa Igreja nem cumprir teus deveres religiosos,não quiseste abandonar aqueles péssimos companheiros, não quis este evitar aquelas perigosas tentações.

Tal é a linguagem desses demoníacos atormentadores, palavras de sarcasmo e de reprovação, de ódio e de aversão. De aversão, sim! Pois mesmo eles, os demônios propriamente,quando pecaram, pecaram por meio dum pecado que era compatível com tão angélicas naturezas: foi uma rebelião do intelecto;
e eles, estes mesmos, têm que se afastar, revoltados e com nojo de terem de contemplar aqueles pecados indizíveis com os quais o homem degradado ultraja e profana o templo do Espírito Santo, e se ultraja e avilta a si mesmo.

OUÇA UMA RÁDIO DIFERENTE ACESSE: radiomensageiradapazjacarei.blogspot.com.br

sexta-feira, 20 de abril de 2018

20 de Abril - Santa Inês de Montepulciano

Santa Inês de Montepulciano
1268-1317


Ela nasceu em Gracchiano-Vecchio, Toscania, Itália em 1268.Inês era muito simples e alguns das mais conhecidas lendas aconteceram em sua infância. A começar pelo seu nascimento quando sua casa foi cercada por muitas luzes em um tempo onde não havia luz eléctrica. Em sua infância ela foi especialmente marcada por dedicação a Deus: ela passava horas recitando o Padre Nosso e Ave Marias no canto de seu quarto. Quando atingiu 6 anos ela já pedia aos seus pais que queria entrar em um convento. Quando eles disseram a ela que era muito jovem ela implorou que eles mudassem para Montepulciano de modo que ela pudesse fazer visitas mais frequentes ao convento de lá.


Por causa da instabilidade política, seu pai estava com receio de mudar de um lugar seguro, mas permitiu que ela visitasse com mais frequência as freiras.
Em uma de suas visitas um evento ocorreu que todos os autores dizem que teria sido profético. Inês estava em Montepulciano com sua mãe e com uma mulher da casa, quando elas passaram por uma colina onde havia um bordel e um bando de corvos, voando baixo, atacaram a garota. Bicando eles conseguiram arranhar a menina antes que as mulheres pudessem afasta-los. Surpresas com o ataque mas seguras de si elas disseram que o ataque devia ser coisa do demónio que ressentia a pureza da pequena Inês a qual um dia os afastaria daquela colina. Como de fato anos mais tarde, Inês construiu um convento na mesma colina.

Quando ela atingiu nove anos ela insistiu que havia chegado o tempo e entrou para o Convento del Sacco. Ela foi permitida a ir com um grupo de Franciscanas em Montepulciano os quais vestiam o máximo em simplicidade. A sua roupa era feita na forma de uma saco, daí o nome de “freiras do saco”. A rica menina de Segni não ficou nem um pouco preocupada com a crua simplicidade das vestes. Sua formação religiosa foi entregue a experiente irmã Margarete e Inês logo surpreendeu a todos pelo seu excepcional progresso. Por 5 anos ela teve uma paz completa que ela jamais voltaria a ter. Aos 14 anos foi indicada como auxiliar da tesoureira e nunca mais ficou sem sentir alguma responsabilidade pelos outros.

Durante algum tempo Inês alcançou um alto degrau de contemplação e foi abençoada com varias visões. Uma das mais lindas foi a da ocasião da Visita da Virgem. Nossa Senhora veio com o Divino Infante em seus braços e permitiu que Inês o tocasse e o segurasse. 

Como não quisesse solta-Lo, quando a Virgem foi de novo segura-Lo ela não O soltou, e assim ela acordou de seu êxtase e a Virgem e o Jesus haviam partido, mas Inês estava agarrada a um lindo crucifixo de ouro. 

Ela passou a usa-lo com uma corrente em seu pescoço e o guardou toda sua vida como um tesouro precioso.
Doutra feita Nossa Senhora deu a ela três pequenas pedras e disse a ela que ela deveria construir um convento com elas algum dia. Inês respondeu que não estava indo a lugar algum naquele momento, mas a Virgem disse a ela para guardar as pedras, três em honra da Santíssima Trindade que um dia iria precisar delas.


Algum tempo depois um novo convento Franciscano abriu em Procena, perto de Orvieto e as irmãs pediram as freiras de Montepulciano que enviassem uma madre superiora. Irmã Margarete foi seleccionada, mas estipulou que Inês deveria ir com ela para ajudar na fundação da nova comunidade. Ali Inês serviu como “dona de casa” uma grande responsabilidade para uma jovem de 14 anos. 

Logo muitas outras jovens entraram para o Convento de Procena simplesmente porque sabiam que Inês estava lá. Para preocupação de Inês ela foi escolhida como Abadessa. Como ela só tinha 15 anos, uma dispensa especial seria necessária. 

Diz a tradição que o Papa Nicolau IV teve uma visão para permitir que ela tomasse o Ofício. No dia que ela foi consagrada Abadessa, uma chuva de cruzes bancas flutuavam dentro da capela e em volta das pessoas. Parecia ser uma comemoração celestial a uma situação bastante extraordinária. Uma menina sendo consagrada Abadessa!

Por 20 anos Inês viveu em Procena. Ela era uma Superiora cuidadosa e algumas vezes fazia milagres para aumentar o suprimento de pão quando este estava pouco no Convento. Ela orava a e despensa milagrosamente ficava repleta de pão. A disciplina da irmã era legendária. Ela viveu de pão e água por 15 anos. Dormia no chão, com uma pedra como travesseiro. 

É dito, que em suas visões, os anjos traziam a sua Sagrada Comunhão.
É dito também que quando ela se ajoelhava para orar, os lírios ou rosas por perto desabrochavam imediatamente. Quando suas visões de Cristo, Nossa Senhora e anjos ficaram conhecidos; os cidadãos de Montepulciano a chamaram de volta para uma pequena estadia. Ela foi sem muita vontade, porque não gostava de deixar sua clausura. Mas logo que chegou ficou sabendo que eles haviam a chamado para construir um novo convento. Uma visão disse a ela para deixar os franciscanos e que ela seria no futuro uma Dominicana. Em 1306 Inês retornou a Montepulciano e iniciou a construção do convento no local do antigo bordel. Tudo que ela tinha eram as três pedras dadas a ela pela Virgem Maria e Inês que tinha sido tesoureira e conhecida um pouco sobre o que fazer. Após uma discussão com os habitantes da colina onde ela queria a fundação, a terra foi finalmente obtida e o Prior servita colocou a primeira pedra.
Inês terminou a construção do Convento e da Igreja que se chama Santa Maria Novella, bem antes do tempo normal e com várias aspirantes a conseguir vagas no novo Convento.

Inês estava convencida que a nova comunidade precisava ser ancorada em uma Constituição ou Regras bem estabelecidas para obter de Roma a licença permanente. Ela explicou que as Regras deveriam ser Dominicanas . O novo Convento foi aprovado e ela foi indicada como Abadessa e os Dominicanos concordaram em providenciar os capelães e as directrizes para a nova comunidade.

Com a idade de 49 anos a saúde de Inês começava a decair rapidamente. Santa Inês veio a falecer logo depois, em 20 de abril de 1317, e disse as irmãs que estavam com ela: Vocês descobrirão que eu não as abandonarei. Eu estarei contigo para sempre. 

Ela foi enterrada em Montepulciano e seu túmulo logo se tornou local de peregrinação e vários milagres ocorreram junto de sua tumba. 

Por isso sua tumba foi aberta para que o seu corpo fosse trasladado para uma igreja Dominicana e verificaram que seu corpo estava incorrupto. Ela passou a ser guardado em um Santuário na Capela do Convento.

Uma das mais famosas peregrinas visitar seu Santuário foi Santa Catarina de Sena que foi para venerar a santa e também visitar uma sobrinha de nome Eugenia que era freira no convento. 

Quando ela se inclinou para beijar os pés de Inês, ficou maravilhada ao ver que Inês levantava o seu pé suavemente de encontro aos lábios de Catarina.

Em 1435 seu corpo incorrupto foi levado para um lindo Santuário em uma igreja Dominicana em Orvieto onde está até hoje. O Papa São Clemente VIII aprovou um Oficio para uso na Ordem de São Domingos e inseriu seu nome no Martirológio Romano. Ela foi canonizada pelo Papa Bendito XIII em 1726.

Na arte litúrgica da Igreja ela é representada com uma Abadessa Dominicana (hábito branco–manto preto) com uma ovelha, um lírio e um livro, ou 2) olhando a cruz com um lírio a seu pés; ou 3) com a Virgem e Jesus; ou 4) com os doentes sendo curados em sua tumba; ou 5)com Santa Catarina de Sena.

Ela é padroeira de Montepulciano.

 
STA. INES DE MONTEPULCIANO, JERONIMO ZENDEJAS, PUEBLA

OUÇA UMA RÁDIO DIFERENTE ACESSE: radiomensageiradapazjacarei.blogspot.com.br

20 de abril - São Teodoro


São Teodoro
Século VI 

O significado de seu nome, "dom de Deus", tem tudo a ver com os talentos especiais que Teodoro demonstrou durante toda a vida. O religioso, nascido na segunda metade do século VI na Galícia, hoje França, desde pequeno demonstrou ter realmente vindo ao mundo para a edificação da Igreja, terminando seus dias como instrumento dos prodígios e graças que brotavam à sua volta. 

Diz a tradição que, já aos oito anos, procurava lugares escondidos e solitários para rezar. Depois, quando adolescente, chegou a cavar uma gruta na capela de São Jorge, especialmente para ali entregar-se à oração e a contemplação. 

É preciso esclarecer que, além de tudo, seus pais pediram para o filho a proteção de são Jorge desde o instante do seu nascimento, pois sua mãe teve um parto muito difícil. Teodoro foi agradecido ao santo, que tinha como padrinho, pelo resto de seus dias. 

Todavia seus pais também não esperavam que ele se dedicasse tanto assim à religião e se preocupavam, pois ele era muito diferente dos outros meninos da sua idade, principalmente por ter cavado "sua" caverna na capela. 

Dizem os devotos que o próprio são Jorge apareceu num sonho a sua mãe, para que ficasse tranqüila quanto ao futuro de Teodoro. Logo depois alguns prodígios e graças começaram a acontecer na gruta, pois que, em pouco tempo, todos os dias, grande parte dos moradores locais eram atraídos para lá. 

Teodoro ainda não tinha idade para isso, mas o bispo da cidade vizinha de Anastasiópolis assumiu a tutela do rapaz e o ordenou sacerdote. E mal voltou para sua cidade natal, o povo o elegeu bispo. No cargo ele permaneceu por dez anos, quando abandonou tudo e voltou à sua vida solitária de penitência e oração contemplativa. 

Novamente as graças passaram a fazer parte do cotidiano da gruta de Teodoro, onde grandes multidões o procuravam. Teodoro ali ficou até o dia 20 de abril de 613, quando morreu. Sua festa é muito celebrada pelos católicos do mundo todo, especialmente na França, Alemanha e entre os cristãos de língua eslava.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

19 de abril - Santo Expedito


Santo Expedito
+ 303 

Expedito, era chefe da 12a Legião romana, então estabelecida em Melitene, sede de uma das províncias romanas da Armênia. Ocupava esse alto posto porque o imperador Diocleciano tinha-se mostrado, no começo de seu reinado, favorável aos cristãos, confiando-lhes postos importantes na administração e no exército. 

Essa legião era conhecida como a "Fulminante", nome que lhe havia sido dado em memória de uma façanha que se tornou célebre. Foi sob Marco Aurélio, durante a campanha da Alemanha. O imperador, estabelecido em um campo fortificado, na região dos Quades, isto é, na atual Hungria, se havia deixado cercar pelos bárbaros. Era pleno verão. 

A água faltava e a 12a Legião, recrutada, era em grande parte cristã. Seus soldados se reuniram fora do campo, ajoelharam e oraram, como oram os cristãos. Depois, retomaram logo a ofensiva, mas, mal tinham começado, uma chuva abundante se pôs a cair, e fez recuar os inimigos. Subitamente, os raios e o granizo caíram sobre o exército inimigo com tal violência, que os soldados debandaram em pânico indescritível. O exército romano estava salvo e vencedor. 

Como se vê, santo Expedito estava à testa de uma das mais gloriosas legiões romanas, encarregada de guardar as fronteiras orientais contra os ataques dos bárbaros asiáticos. Mas a história da Igreja é bastante pobre em detalhes sobre a vida de seus chefes que se distinguiram no comando pelas virtudes de cristãos e de lealdade à causa por que lutavam, como exemplo das mais belas virtudes. 

"Expedito" ficou sendo o nome do chefe, apelido dado por exprimir perfeitamente o traço dominante de seu caráter: a presteza e a prontidão com que agia e se portava, então, no cumprimento de seu dever de estado e, também, na defesa da religião que professava. Era assim que os romanos davam, freqüentemente, a certas pessoas um apelido, o qual designava um traço de seu caráter. 

Desse modo, Expedito designa, para nós, o chefe da 12a Legião romana, martirizado com seus companheiros em Melitene, no dia 19 de abril de 303, sob as ordens do imperador Diocleciano. Seu nome, qualquer que seja a origem de sua significação, é suficiente para ser reconhecido no mundo cristão, pois condiz, com a generosidade e com o ardor de seu caráter, que fizeram desse militar um mártir. 


Desde seu martírio, Expedito tem se revelado um santo que continua atraindo devotos em todo o mundo. Além de padroeiro das causas urgentes, santo Expedito também é conhecido como padroeiro dos militares, dos estudantes e dos viajantes. Ele era militar e, se já não bastasse a tradição que envolve o seu nome, temos a da sua conversão. Conta-se que, assim que resolveu se converter, uma tentação se manifestou em forma de corvo. O animal gritava "Crás! Crás!", que significa, em latim, "Amanhã! Amanhã!". O que se esperava era que ele adiasse o batismo, mas Expedito teria pisoteado o corvo e gritado: "Hodie! Hodie!", ou seja, "Hoje! Hoje!". E assim agiu.


***************************************************
JACAREÍ, 08 DE DEZEMBRO DE 2012
CENÁCULO DA HORA DA GRAÇA UNIVERSAL AO MEIO-DIA
MENSAGEM DE NOSSA SENHORA, SANTO EXPEDITO E SÃO GERALDO MAJELLA
Acessem o vídeo desta mensagem

MENSAGEM DE NOSSA SENHORA

“-Amados filhos Meus, hoje, quando comemorais a SOLENIDADE DA MINHA IMACULADA CONCEIÇÃO, Eu venho mais uma vez para abençoar-vos e dizer-vos:
EU SOU A IMACULADA CONCEIÇÃO! SOU A SENHORA VESTIDA DE SOL COM A LUA DEBAIXO DOS PÉS COROADA DE ESTRELAS MAIS BRILHANTE QUE O SOL, TERRÍVEL COMO UM EXÉRCITO EM ORDEM DE BATALHA.
Estas misteriosas palavras que Eu disse por primeira vez à Minha filhinha Bernadette, Santa Bernadette em Lourdes e que depois repeti nas Minhas Aparições em Montichiari, Aqui, em tantos outros lugares, vos indicam que verdadeiramente Eu Sou a Senhora que combate o grande dragão infernal e vos conduz a todos pela estrada da conversão e da santificação e também da luta contra Satanás e todas as forças do mal, por isso hoje venho a vós como Mulher Vestida de Sol para dizer-vos:
Sai das trevas Meus filhos e vinde para a luz que o Meu Corpo Imaculado Glorioso esparge sobre vós do alto do Céu!
Deixai toda a estrada de pecado, deixai toda a estrada de amor próprio, deixai toda a estrada de escravidão ao amor desordenado de vós mesmos, do mundo e das criaturas e vinde para o caminho luminoso da conversão, da oração, da santidade que é o caminho iluminado pela própria luz do Meu Corpo Glorioso e Imaculado, para que assim Eu vos conduza sempre mais à perfeita santidade, ao perfeito cumprimento da vontade do Senhor, para que Ele receba de vós a perfeita glória, a perfeita adoração que Ele merece de todos os Seus filhos, de todas as Suas criaturas.
EU SOU A IMACULADA CONCEIÇÃO. SOU A SENHORA TERRÍVEL COMO UM EXÉRCITO EM ORDEM DE BATALHA QUE VOS CONDUZ SEMPRE MAIS PELA ESTRADA DA ABNEGAÇÃO, PELA ESTRADA DA NEGAÇÃO DA VOSSA VONTADE PRÓPRIA DESORDENADA E DA BUSCA SEMPRE MAIS CONSTANTE DA VONTADE DO SENHOR, DO CUMPRIMENTO DO SEU PLANO E DE SUA SANTA LEI DE AMOR.
Vos conduzo por uma estrada verdadeira que verdadeiramente vos modifica interiormente, vos modifica permanentemente e não apenas produz em vós uma mudança temporária. Conduzo-vos pela estrada da verdade, por isso, aquilo que o Meu filhinho Marcos vos disse bem é verdade: É preciso junto com a oração haver a mudança interior, de nada vos adiantaria ter arroubos na oração, ter arroubos diante do Senhor se vós viveis em paz com os vossos defeitos.
Por isso Aqui sempre exigi uma conversão radical, profunda, verdadeira e permanente, porque vos digo, aqueles que não tiverem essa conversão não entrarão no Reino e Deus e nem poderão seguir-Me por muito tempo, porque embora Eu seja a Mãe da Misericórdia que acolhe a todos os pecadores, Sou a Mãe e Rainha de todos os Santos, Sou a Mãe dos Santos que exige dos Seus filhos a santidade verdadeira, porque nada de impuro e de manchado entrará no Reino dos Céus.
Por isso Meus filhos, chamo-vos hoje novamente à profunda e verdadeira conversão que vos leva a vos tornardes realmente a nova humanidade realizada, a perfeita humanidade realizada em Deus que é quando o homem verdadeiramente faz seus pensamentos, sentimentos, desejos e sua vontade confluírem para a Vontade do Altíssimo, para os seus pensamentos e assim Deus e o homem se torne um só no amor. Se vós não vos tornardes esta perfeita humanidade realizada como Eu Sou não entrareis no Reino dos Céus. Por isso tomai Meus filhos de hoje em diante tento, convertei-vos verdadeiramente e vos tornardes a nova criatura em DEUS.
Eu Sou a Imaculada Conceição, a Mulher vestida de Sol com a Lua debaixo dos Pés terrível, poderosa como um exército em ordem de batalha e por isso Eu desci em todas as Aparições da Terra desde a RUE DU BAC, Paris, LA SALETTE, FÁTIMA, CASANOVA STAFFORA, GARABANDAL, SAN DAMIANO, MONTICHIARI até chegar Aqui em JACAREÍpara vos chamar todos a vos alistardes no Meu exército de Oração, de Penitência, de Confiança, de Fé, e sobretudo, de coragem.
Ide em frente Meus filhos! Não temais nada, porque Eu estou convosco! Sede valentes guerreiros Meus defendendo sempre mais a verdade, defendendo Minhas Mensagens e levando ao conhecimento de todos os Meus filhos o mais depressa possível para que todos se convertam, todos finalmente possam salvar-se. 
Eu vim do Céu para vos chamar a entrardes pela via da verdadeira felicidade sobre a Terra, mas ninguém poderá encontrar essa felicidade se não conformar sua vontade e seu pensamento a Deus. Dai portanto, hoje, o vosso sim ao Senhor! Quando o homem lhe dá orações, quando o homem dá ao Senhor os seus pequenos sacrifícios, quando lhe dá uma obra boa o homem lhe dá parte de si, mas quando o homem o homem lhe dá toda a sua liberdade e a sua vontade, então o homem dá-se a si mesmo, dá tudo. E foi isso o que Eu vim do Céu Aqui procurar almas que deem tudo, que se deem inteiramente a Deus por meio das Minhas Mãos. Dai hoje o vosso sim e hoje mesmo se abrirá para vós o caminho, a via da verdadeira felicidade sobre a Terra.
Aqui onde Sou perfeitamente amada, glorificada, servida, engrandecida, louvada e correspondida pelo Meu filhinho Marcos que obedientíssimo a Mim tornou-Me conhecida e amada por milhares e milhões de Meus filhos, de todos os modos e meios possíveis que ele podia, que Ele tinha ao Seu alcance, tornando as Minhas Aparições, tornando as Minhas Mensagens, as Graças extraordinárias que realizei ao longo da história da humanidade, tornando a Minha TREZENA, a Minha SETENA, o TERÇO DAS MINHAS LÁGRIMAS e todas as Minhas ORAÇÕES conhecidas e amadas de todos. Esse Meu filho que tornou as Minhas Mensagens conhecidas e amadas por tantos dos Meus filhos que já tem as Minhas Mensagens como seu tesouro e já se tornaram Meus verdadeiros Apóstolos, a esse Meu filho abençoo hoje com toda a sorte de graças e de bênçãos e ao mesmo tempo também abençoo todos vós Meus filhos.
Abençoo-vos todos vós que o ano inteiro rezaste o Meu SANTO ROSÁRIO, que fizeste as Minhas HORAS DE ORAÇÃO, que estivestes Aqui ao vivo ou pelo menos espiritualmente, vós que divulgastes As Minhas Mensagens, vós que tanto Me amastes e tanto lutaste por Mim durante todo este ano, a vós neste momento, abençoo copiosamente e generosamente, de LOURDES, de CASANOVA STAFFORA, de GIAIE DI BONATE, de MONTICHIARI e deJACAREÍ. A Paz Meus filhos amados.”

MENSAGEM DE SANTO EXPEDITO

“Marcos, Eu, EXPEDITO, servo do Senhor, servo de Maria Santíssima, venho hoje nesta HORA DA GRAÇA UNIVERSAL que vós fizestes com tanto amor e carinho para a Mãe de Deus para dizer-vos:
HODIE, OU SEJA, HOJE! CONVERTEI-VOS HOJE, AMANHÃ NÃO, AMANHÃ SERÁ TARDE, AMANHÃ O SENHOR JÁ NÃO SE DEIXARÁ ENCONTRAR POR VÓS! AMANHÃ O AMOR JÁ SE TERÁ AFASTADO DE VÓS! CONVERTEI-VOS HOJE ENQUANTO O AMOR SE DEIXA ENCONTRAR.
Convertei-vos hoje, enquanto o Amor se deixa encontrar por vós nestas Aparições de Jacareí dando o vosso sim ao Senhor, dando a vossa vida completamente a Ele, conformando a vossa vontade, o vosso pensamento, os vossos desejos e sentimentos aos do Senhor, para que assim verdadeiramente na vossa vida se faça e se cumpra a Santa vontade Dele.
HODIE, HOJE! Convertei-vos hoje, amanhã não! Amanhã será tarde demais para vós. Convertei-vos hoje, pois hoje o amor, o amor materno, o amor em forma de Mãe se deixa encontrar por vós Aqui todos os dias com as Suas Mensagens para vos conduzir sempre mais pela via da perfeita e verdadeira felicidade sobre a Terra. Acolhei este amor, deixai este amor entrar no vosso coração, deixai mudar a vossa alma, a vossa vida até as bases, que dentro de vós, não fique pedra sobre pedra sem remover. Deixai que o vosso ser seja completamente inflamado pelo amor Dela, pelo amor do Espírito Santo, a chama de amor de Maria, para que assim verdadeiramente nas vossas almas se cumpra aquilo mesmo que a Virgem Santíssima fez e foi: que vós vos torneis a perfeita humanidade realizada, a humanidade divinizada, ou seja, elevada, a comunhão perfeita e a participação perfeita na glória e na felicidade do próprio DEUS.
HODIE, HOJE! Convertei-vos hoje, não amanhã! Porque amanhã não sabeis se a porta da Misericórdia estará aberta para vós, por agora enquanto a Mãe de Deus está Aqui Ela e todas as graças do Seu Coração estão ao vosso alcance. Pedi e recebereis, buscai e achareis, batei e vos será aberto.
Tende o coração puro, purificai a vossa boca, a vossa mente, as vossas mãos e vosso coração, pois o vosso ser e o vosso corpo não foram feitos para a podridão deste mundo. Sede puros, sede santos como o Pai Celeste é Santo, como a Imaculada Conceição é Santa. Que vós sejais encontrados Imaculados com a Imaculada quando o Senhor voltar.
Bem aventuradas as almas que podem segui-La aonde quer que Ela vá, que podem seguir junto com Ela e o Cordeiro Imaculado aonde quer que Eles vão, porque estas almas puras, cândidas e castas cantarão no meio dos Querubins mais excelsos do Céu, pó perfeito louvor da Santíssima Trindade e receberão os tragos singulares e particulares do conhecimento da santidade de Deus que não será dado às outras almas mesmo as que se conseguirem salvar depois de rigorosa penitência nessa vida. Por isso, Meus amados irmãos, purificai o corpo e o coração para que verdadeiramente, sejais alvos como os lírios do campo e possais ser um verdadeiro e perfeito bouquet, digno bouquet da Imaculada Conceição.
HODIE! HOJE! Convertei-vos hoje não amanhã! Porque o tempo urge, o tempo dado pelo Senhor para a conversão da humanidade está acabando e ai daqueles que deixarem a sua conversão para o último instante, eles gritarão, mas como o Senhor bem disse em EL ESCORIAL Ele se fará surdo aos seus gritos e lamentações e dirá a eles: Não vos conheço! Porque quando Eu estava com a Minha Mãe peregrinando na Terra, de local em local das Aparições chamando-vos à conversão, pedindo-vos uma gota do vosso amor, vós Me negastes o vosso amor, vós fechastes para Mim as portas do vosso coração, eis que agora Eu também fecho as portas do Meu para vós. Vós Me destes as costas e agora Eu dou as Minhas para vós.
Convertei-vos depressa porque o Senhor já está às portas, o Amor está regressando a vós com Amor e pelo Amor. Rezai, tende uma conversão perfeita e profunda, tende um agir coerente com aquilo que vós dizeis em vossa oração e que professais crer, para que assim vós não sejais chamados pelo Senhor Jesus, de fariseus hipócritas, de sepulcros caiados, que por fora são belos e formosos e por dentro estão cheios de podridão.
Que as vossas almas verdadeiramente, sejam imagem da Imaculada Conceição, lírios puros onde o Senhor sempre pôde se comprazer e ali encontrar o mais perfeito, doce e suave perfume de todas as virtudes.
Neste mês assisti novamente todos os vídeos que o Marcos fez e deu para vós, preparai-vos para o novo ano rememorando a vida de todos os Santos e todas as Aparições da Mãe de Deus, um por dia para que assim possais entrar no novo ano renovados, reafervorados, inflamados e abrasados no santo Amor de Deus e com a decisão firme de verdadeiramente começardes a caminhar pela via da verdadeira felicidade sobre a Terra, conformando o vosso pensamento e a vossa vontade a do Senhor e assim, dando início à nova e perfeita humanidade realizada em vós.
A todos neste momento, abençoo com amor, derramando sobre vós as copiosíssimas bênçãos da Santíssima Trindade.”


MENSAGEM DE SÃO GERALDO MAJELLA

“-Marcos, Eu, GERALDO, venho novamente hoje para te abençoar.
O teu amor Me atraiu amico Mio. Si, amico Mio, Il tuo amoré Mi ha chiamato! O teu amor Me chamou, o teu amor Me atraiu, eis que aqui Eu estou para te abençoar mais uma vez e derramar sobre todos os que estão Aqui hoje as copiosas bençãos da Imaculada Conceição, Minha noiva celestial a quem todo Me entreguei no mesmo dia de hoje naFESTA DA IMACULADA CONCEIÇÃO quando Eu ainda vivia na Terra quando era jovem. A Ela todo Me entreguei para não ter outra esposa na Minha vida que não fosse a Sagrada Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo e Sua Mãe Imaculada. A Ela, à Mãe de Deus todo Me dei para ser todo de Cristo, a Ela todo Me entreguei para ser perfeitamente de Cristo, pois somente sendo todo da Imaculada se pode ser todo de Cristo e somente entregando-se totalmente à Imaculada se pode se entregar totalmente a Cristo.
Quem não conhece a Imaculada não conhece a Cristo, quem não ama a Imaculada não ama a Cristo, quem não se deu todo à Imaculada não se deu todo a Cristo e nunca poderá ser todo de Cristo.
Por isso vos digo: Entregai-vos todo a Imaculada que Aqui vos amou tanto, vos privilegiou tanto, vos concedeu tanto e com tantas bençãos colmou todos os dias da vossa vida e deste ano santo.
Entregai-vos completamente à Imaculada, dando a Ela a vossa vida, dando a Ela mais que só orações, dai a Ela o vosso pensamento, a vossa vontade e a vossa liberdade conformando-os com o pensamento Dela, com a vontade Dela, que é sempre o mesmo pensamento e a Vontade do Senhor, para que assim vós vos torneis como Ela, perfeita humanidade realizada em Deus, vós vos torneis novas criaturas em Deus e possais viver a verdadeira vida em Deus.
Entregai-vos completamente à Imaculada, com todo o tempo que ainda vos resta na Terra para servi-La, torná-La mais conhecida e amada e dar a todos os vossos irmãos que ainda estão nas trevas do pecado e da ignorância o conhecimento do amor tão grande do Senhor e da Virgem Imaculada por todos eles para que assim, eles também possam encontrar a via da verdadeira felicidade sobre a Terra e possam chegar com a Imaculada até a glória do Céu.
Entregai-vos completamente à Imaculada Conceição, sendo os verdadeiros apóstolos e soldados Dela, procurando por todos os modos na vossa vida irradiar o amor de Deus, levar a luz da eterna verdade ao conhecimento de todas as almas e instaurar o Reino do Coração Imaculado Dela e do Sagrado Coração do Senhor em todas as almas, em todas as famílias e em todas as nações.
Dai graças ao Senhor pela Imaculada, que vos amou tanto, que vos escolheu para estardes Aqui nas Aparições Dela e conhecerdes tantas belezas e maravilhas que foram ocultadas de tantas gerações e só a vós, só agora foram manifestadas. Glorificai o Senhor porque Ele convosco foi mais que bom, foi mais que generoso, o Senhor por vós foi verdadeiramente louco de amor. Por isso, Comigo hoje elevai o hino da perfeita gratidão e da perfeita glória ao Senhor pela Imaculada porque em vós o Senhor tem feito e ainda fará muitas maravilhas.
Aqui neste lugar Santo das Aparições de Jacareí onde o Senhor, onde a Imaculada Conceição foram glorificados e exaltados como nunca! E onde o Seu Amor e a Sua Glória são manifestados como nunca e onde o Seu amor foi correspondido como nunca pelo Meu querido e amado irmão, amigo e predileto companheiro Marcos Tadeu e agora pelas almas que já tem compreendido o sentido do verdadeiro amor e da perfeita conversão.
Aqui, o Senhor hoje se compraz, se alegra, se sente consolado e derrama sobre vós as copiosas graças e bênçãos do Seu Amor, onde a Imaculada é perfeitamente glorificada e amada por este servo do Senhor e por aqueles que com ele já lhe deram perfeitamente o seu coração, Aqui verdadeiramente a Mãe de Deus hoje derrama um verdadeiro dilúvio, uma chuva abundantíssima como aquela que Ela derramou sobre a Vidente Estelle nas Aparições de Pellevoisan.
E Eu também, sobre todos vós agora derramo as bênçãos que a Trindade Santa Me deu para cumular-vos com todos os bens, com todos os benefícios do corpo e da alma, sobre todos vós que Me ouvis agora desça a solene benção do Senhor e da Imaculada e especialmente sobre ti Marcos, Meu amigo mais querido, Meu irmão mais amado.”

********************************


19 de Abril - Santa Ema da Saxônia


Santa Ema da Saxônia
+1040

Ema da Saxônia morreu em 19 de abril de 1040. No mosteiro de São Ludgero, na Alemanha, inexplicavelmente longe da Saxônia, conserva-se uma relíquia desta santa: uma mão prodigiosamente intacta.

Ela, de origem alemã, nasceu no berço de uma família muito religiosa e cristã. Era irmã de Meginverco, bispo da cidade de Paderborn, que também se tornou santo. Muito nova foi dada em matrimônio para Ludgero, conde da Saxônia, que a deixou viúva um ano depois do enlace. Muito devota, bonita, rica e sem filhos, não desejou se casar novamente. E se manteve constante em seu novo projeto de vida, que foi a total dedicação às obras de caridade.

"A mulher estéril", diz a Bíblia, "será mãe de muitos filhos." Assim foi com Ema. Generosa nas doações e no atendimento ao próximo, mas austera e intransigente consigo mesma, procurou a perfeição no difícil estado de viuvez, uma condição bastante incômoda para uma mulher que ficou só e muito rica.

Ela, entretanto, potenciou sua fecundidade espiritual e administrou seu patrimônio em benefício dos pobres e órfãos por meio das instituições assistenciais. Quarenta anos depois, por ocasião de sua morte, ela já não possuía mais nada neste mundo, tendo transferido, por sua caridade, seus bens ao tesouro do paraíso, onde, no dizer de Jesus, "As traças e a ferrugem não consomem, nem os ladrões roubam" (Mt 6,20).

A escolha de Ema não foi uma fuga perante as responsabilidades familiares, mas uma opção em favor de um serviço mais amplo aos necessitados, em nome de Jesus Cristo, que nos deixou o exemplo de dar sua vida pela salvação dos seres humanos. Aliás, o apóstolo Paulo louva a opção das viúvas que se dedicam unicamente ao Senhor e ao serviço comunitário da diocese, de tal modo que, nos primeiros séculos do cristianismo, existia uma espécie de associação de viúvas que trabalhavam distribuindo as esmolas dadas aos pobres pela Igreja.

Ema havia escolhido esta maneira de servir a Deus, a mais difícil e rara. Sua mão se conservou intacta, nove séculos e meio após sua morte, sem dúvida como um sinal certo da sua mais característica virtude: a generosidade.

Esta verdadeira serva de Cristo auxiliou o seu esposo celestial com a oração e a caridade, merecendo a devoção não de um marido, mas de milhões de cristãos. A Igreja a declarou santa e oficializou o seu culto público, que já era celebrado havia mais de nove séculos, no dia de sua morte. O corpo de santa Ema da Saxônia, sem aquela mão de que se falou, repousa na catedral de Bremen, Alemanha.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Jacareí, 13 de abril de 2008 - MENSAGEM DE SANTA TECLA


REDE SOCIAL, TV E RÁDIO



(Marcos:) "-Amada Santa Tecla, estou muito feliz por poder conhecê-la. Desde o primeiro dia em dia em que Eu ouvi falar de vós, senti que Meu Coração vos amou e se uniu a vós de alguma forma muito misteriosa e incompreensível para Mim!"

MENSAGEM DE SANTA TECLA

"-Amado Marcos... Eu, Tecla, serva do SENHOR e da MÃE SANTÍSSIMA muito Me alegro por estar aqui!

Amo-te, Eu o tenho protegido desde o dia do seu nascimento até hoje e continuarei sempre guardando e te protegendo. Amo também a todos os que vem aqui neste Lugar Sagrado, ao longo de todo o ano, para consolarem com suas orações e os seus sacrifícios o Coração da Nossa MÃE SANTÍSSIMA, de SÃO JOSÉ e do Sagrado Coração de JESUS.

Eu venho para vos dizer, que somente quando o homem esvaziar-se completamente de si mesmo, poderá encontrar a verdadeira paz e a felicidade, que é DEUS...

Enquanto o homem se manter cheios das coisas transitórias e passageiras... Enquanto o homem continuar cheio do amor de si mesmo, não poderá conhecer e provar o Amor e DEUS em pura transformação que só se comunica e só se revela a quem se esvazia totalmente de si, para então poder ser cheio e pleno do amor divino.

Somente quando o homem entender que é dando que se recebe; que é perdendo que se acha e que é deixando que se encontra; é que ele poderá verdadeiramente conhecer o amor de DEUS e Nele ser transformado, divinizado, deificado e tornar-se então a perfeita imagem e a semelhança de DEUS!...

A VIRGEM SANTÍSSIMA está assim, há tantos anos, ensinando-vos a fazer isso! Ela está aqui, com o Nosso SENHOR e SÃO JOSÉ, lutando e pelejando pela vossa santificação. Mas infelizmente quantos de vós tendes obstaculizado e mesmo atrapalhado a sua ação santificadora; porque vós ainda não entendestes que para se encontrar a DEUS é preciso deixar o mundo!

Para estar cheio, para ser cheio do amor de DEUS é preciso esvaziar-se primeiro do amor próprio...

Fazei isso se quereis alcançar a perfeita santificação e poderdes entrar nas portas do Paraíso. Eu prometo ajudar-vos com Minha poderosa proteção e socorro.

Continuai com todas as orações que aqui vos foram dadas...

Vede como todos os avisos da MÃE de DEUS estão cumprindo-se... As doenças que no vosso país ressurgiram com uma violência jamais vista antes; as inundações onde antes era tão seco, que o chão era rachado; e a seca onde antes a terra era fértil e verde; tudo isso vos indica que os castigos pelos vossos pecados, pelos pecados do povo desta nação e do mundo já estão acontecendo e aumentando de intensidade, até que então virá o grande e terrível castigo que porá fim aos pecados e as maldades dos homens!

Vós podeis evitar os castigos se quiserdes, com as vossas orações, sacrifícios e com a vossa perfeita conversão! Se obedecerdes as Mensagens dos Sagrados Corações, tudo será mudado e DEUS terá piedade do mundo, do contrário podeis esperar os mais dolorosos castigos...

Convertei-vos depressa, são os últimos avisos!... Espalhai depressa as Mensagens, pois não há nem 1/3 da humanidade convertido, rezando e obedecendo as Mensagens dos SAGRADOS CORAÇÕES ainda!

Fazei depressa o que tendes que fazer!

Eu TECLA abençôo com a benção de DEUS Todo Poderoso e MARIA SANTÍSSIMA... Em nome do PAI, do FILHO e do ESPÍRITO SANTO.

A paz Marcos, Meu anjo queridíssimo... A paz..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A SANTA MEDALHA DA PAZ

A MEDALHA DO AMANTÍSSIMO CORAÇÃO DE SÃO JOSÉ

A MEDALHA DA ROSA MISTICA

LIVROS MISTICA CIDADE DEUS

LIVROS MISTICA CIDADE DEUS
ENTRE EM CONTATO PELOS TELEFONES ACIMA

Follow by Email

Quem sou eu

Minha foto

Acessem www.apparitionstv.com 
Adriana. casada, tenho dois filhos e sou agraciada por fazer parte da família de Maria Santíssima e dos Sagrados Corações Unidos nas Aparições de Jacareí-SP-Brasil ao seu escolhido Marcos Tadeu Teixeira. 

SANTA BERNADETTE

SANTA BERNADETTE
A vidente de Nossa Senhora de Lourdes

SANTA RITA DE CASCIA - FILME SEDE SANTOS 1

SANTA RITA DE CASCIA - FILME SEDE SANTOS  1
Vida de Santa Rita de Cássia

SANTA AGUEDA - FILME SEDE SANTOS 3

SANTA AGUEDA - FILME SEDE SANTOS 3
Vida de Santa Agatha ou Agueda de Catania

SANTA VERONICA GIULIANI - FILME SEDE SANTOS 2

SANTA VERONICA GIULIANI - FILME SEDE SANTOS 2
Vida de Santa Veronica Giuliani

SANTA GEMMA E SANTA ZITA - FILME SEDE SANTOS 4

SANTA GEMMA E SANTA ZITA - FILME SEDE SANTOS 4
Vida de Santa Gemma

SANTO CURA DAR'S - FILME SEDE SANTOS 5

SANTO CURA DAR'S - FILME SEDE SANTOS 5
Vida de São João Maria Vianey

SANTA TEREZINHA DO MENINO JESUS

SANTA TEREZINHA DO MENINO JESUS
"Não quero ser Santa pela metade, escolho tudo".

SÃO JOÃO BOSCO E DOMINGOS SÁVIO - FILME SEDE SANTOS 7

SÃO JOÃO BOSCO E DOMINGOS SÁVIO - FILME SEDE SANTOS 7
Vida de São João Bosco, São Domingos Sávio e Mama Marguerita(Santa Mãe de São João Bosco)

SÃO FRANCISCO E SANTA CLARA DE ASSIS

SÃO GABRIEL DE NOSSA SENHORA DAS DORES

SÃO GABRIEL DE NOSSA SENHORA DAS DORES

SANTA HELENA

SANTA HELENA
1ª PEREGRINA DO MUNDO

IRMÃ AMÁLIA AGUIRRE

IRMÃ AMÁLIA AGUIRRE
Vidente de Nossa Senhora das Lágrimas

BEATA ALEXANDRINA

BEATA LAURA VICUÑA

SANTA LUCIA DE SIRACUSA - FILME SEDE SANTOS 6

SANTA LUCIA DE SIRACUSA - FILME SEDE SANTOS 6
Vida de Santa Luzia de Siracusa

SÃO DOMINGOS SÁVIO

SÃO DOMINGOS SÁVIO
"Antes morrer do que pecar"

SANTA MARIA BERTILLA BOSCARDIN

SANTA MARIA BERTILLA BOSCARDIN

DEFESA DAS APARIÇÕES DE JACAREI

DEFESA ÀS APARIÇÕES DE JACAREÍ


(FEITA POR UM PEREGRINO, AO CONTEMPLAR UM VÍDEO FALANDO MAL DAS MESMAS CITADAS ACIMA, E SOBRE A CARTINHA DO BISPO DA ÉPOCA, ALEGANDO QUE AS APARIÇÕES NÃO ERAM VERDADEIRAS)


NÃO SEI QUEM FEZ MAS PRA MIM ESSA PESSOA MERECIA UMA MEDALHA DE HONRA DE NOSSA SENHORA POR ESTA BELA DEFESA

"Quando você diz que devemos dar ouvidos ao que os padres dizem a respeito das aparições de Jacareí, corre em um ledo engano, pois, a “opinião pessoal” deles é que não pode ser elevado ao nível de “dogma de fé”. As cartas de Dom Nelson são muito citadas pelos que latem que estas Sagradas Aparições são falsas. Portanto, mister se faz alguns esclarecimentos. Há duas cartas oficiais onde este indigitado bispo trata da matéria “aparições”. Uma primeira, publicada em 1996, enquanto o mesmo ainda era bispo de São José dos Campos (diocese a qual pertence Jacareí). Nesta, não há menção alguma ao nome do Profeta Marcos Tadeu Teixeira, muito menos, excomunhão, há somente algumas orientações pastorais. A segunda, publicada em 2007 e republicada em 2011, realmente traz explicitamente o nome do Profeta Marcos Tadeu Teixeira, porém, nesta, a palavra “excomunhão” é sequer mencionada.

Ainda há um probleminha com esta segunda carta. O dito bispo (certamente pela providência de Nossa Senhora) foi transferido para a diocese de Santo André/SP em 2003, e, observem, a segunda carta publicada por ele ocorreu no ano de 2007, quando já havia deixado de ter jurisdição eclesiástica sobre a cidade de Jacareí. Portanto, o mesmo, ao editar esta carta, violou a jurisdição eclesiástica conferida a ele pela Igreja, e, ainda, violentou gravemente a autoridade de Dom Moacir, então, bispo da Diocese de São José dos Campos, que, se quisesse, poderia ter criado o maior caso com isso, pois Dom Nelson desrespeitou frontalmente e atropelou sua autoridade eclesiástica, uma verdadeira afronta. Então eu lhes pergunto, vocês ainda vão dar credibilidade a um documento irregular e eivado de vícios como esse?

Vale lembrar, que não é obrigatório seguir estas cartas circulares dos bispos. Não há heresia nem cisma nisso. Um católico somente pode ser acusado de cismático ou herege se atentar contra os Dogmas de Fé. Que eu saiba, carta circular de bispo não é Dogma de Fé. Como a primeira carta de Dom Nelson não condena as Aparições de Jacareí, e a segunda está irregular, pode-se dizer que não pesa condenação oficial e regular da Igreja sobre estas Santas Aparições. Além do mais, até o presente momento, Dom José Valmor, que atualmente tem jurisdição eclesiástica sobre Jacareí, não fez pronunciamento oficial sobre as mesmas. Documento oficial onde o Profeta Marcos foi excomungado, também é inexistente, portanto, qualquer informação que diga o contrário é fruto de pura “fofoca”.

Ressalto que em Jacareí, realmente, não damos tanta importância aos documentos do Vaticano. O que nós realmente valorizamos é a doutrina que nos foi transmitida pelos santos, como Santo Afonso, São Luiz, Santa Teresa, São João da Cruz, etc... Outro adendo que gostaria de acrescentar, diz respeito ao fato da obrigatoriedade ou não das Sagradas Mensagens Celestiais. A orientação predominante entre os teólogos católicos, de que não é obrigatório seguir as Aparições de Nossa Senhora, se funda em meras opiniões pessoais de alguns clérigos a respeito do assunto. Esta orientação não tem o caráter da infalibilidade papal e muito menos é um Dogma de Fé. Realmente, o catecismo atual traz algo nesse sentido, mas vale lembrar que o mesmo não recebeu o caráter da infalibilidade pelo Concílio Vaticano II. Bem ao contrário do Santo Catecismo do Concílio de Trento. Este sim, recebeu o caráter de infalível. Ocorre que nossa amada Igreja há muito se transviou de uma tradição bíblica milenar, através da qual o “Deus dos Exércitos” sempre manifestou sua vontade ao povo de Israel por meio de suas aparições aos profetas (mesmo fenômeno que ocorre com o, também, profeta Marcos Tadeu, pois os fenômenos miraculosos e de aparições que ocorrem naquele Santuário, são da mesma espécie dos verificados na Sagrada Bíblia).

Ora, nos tempos bíblicos não era através dos fariseus, saduceus, príncipes e doutores da lei (a Igreja oficial da época) que Deus dava as suas diretrizes ao povo eleito, mas sim, através dos profetas, em outras palavras, dos videntes. Nos primórdios do cristianismo, também ocorria assim, pois, a própria origem da nossa amada Igreja se funda nas “aparições” de Jesus aos apóstolos e discípulos. Então, por que esta tradição bíblica foi quebra? Será que é porque as aparições aos profetas cessaram? Errado, pois nos últimos 100 anos ocorreram mais de 1000 aparições de Nossa Senhora, dos santos e anjos, e até de Deus.
A pergunta correta é, por que o clero tenta abafar isso, pois grande parte, senão todas, destas aparições também foram acompanhadas de sinais miraculosos, como, curas inexplicáveis pela ciência, sinais na natureza, etc... Se Deus usava deste expediente nos tempos bíblicos, certamente deveria continuar a usá-lo nos tempos do catolicismo, pois uma grande verdade que a Teologia professa é que Deus é imutável. Não citarei as passagens bíblicas onde Deus manifesta sua vontade através dos videntes/profetas, pois se assim fizesse, teria que citar a Bíblia inteira, pois a própria formação e ensinamentos nela transmitidos se dão por este meio. Gostaria apenas de citar um pequeno exemplo de qual atitude deveremos tomar frente às Aparições de Jacareí, tomando por base a Bíblia. Saulo, quando se dirigia à cidade de Damasco e Jesus lhe “aparece” exclama: “Senhor, que queres que eu faça?” (At 9, 6). Naquela ocasião, Jesus disse a ele para procurar os fariseus e saduceus (a Igreja oficial da época)? Não! O ordenou que entrasse na cidade de Damasco e ali lhe seria dito o que deveria fazer. Beleza. E quem Deus enviou para Saulo? Os fariseus e saduceus (a Igreja oficial da época)? Não! Mas Ananias, um vidente. Como eu sei que Ananias era um vidente? As Sagradas Escrituras nos contam que foi uma aparição de Jesus que disse para ele ir procurar Saulo. É só conferir At 9, 10-16ss.

Outro exemplo foi Judas Iscariotes; este preferiu errar com a Igreja oficial da época (lembra né, fariseus e saduceus) que acertar sem ela. Bom... Errou mesmo! E segundo alguns santos místicos, como Maria de Ágreda, sua alma se encontra no inferno. Assim, a posição teológica defendida pela maioria dos teólogos atuais, de que as aparições não são obrigatórias, falando em termos de estudo teológico da atualidade, é perfeitamente passível de questionamento, e, inclusive, daria uma boa tese de doutoramento. É um posicionamento que pode ser mudado. Não é Dogma de Fé. Gostaria de finalizar este ponto dizendo o seguinte. Jesus tolerou para sempre aquela Igreja oficial da época (o judaísmo) que rejeitou o projeto que suas aparições aos Apóstolos (que também eram videntes) propunha? Claro que não!!! Por causa disso, Deus se retirou do meio daquela Igreja e passou a habitar no meio dos seus videntes, os apóstolos e discípulos, e, assim, surgiu a nossa amada Igreja Católica (Mt 21, 39-45).

Não é objetivo do Profeta Marcos Tadeu, nem de sua Ordem e muito menos de nós, a Milícia da Paz (formada por todos os fiéis seguidores daquele Santuário) provocar um cisma na Igreja. Nós apenas denunciamos os erros (prerrogativa esta, conferida aos leigos pelo próprio Concílio Vaticano II), lutamos para que a devoção a Nossa Senhora, aos santos e anjos seja colocada em seu devido lugar, e que as suas mensagens, e as dos demais santos, e até as de Deus, seja acolhida como nos tempos Bíblicos, pois acreditamos que se isto não for feito, irá se abater gigantescos cataclismos sobre a Terra, de uma tal magnitude que nunca houve, nem jamais haverá. Acreditamos que esta “palavra de Deus” transmitida nas aparições é o caminho e a única forma de salvar o mundo, e qualquer obra, ou pessoa, que ensine ou faça diferente do que elas dizem, é desprezada por nós. O motivo para isto é muito simples. Desde tempos remotos, as Aparições de Nossa Senhora (inclusive as não aprovadas pela Igreja) vêm dizendo o que aconteceria ao mundo se esta “palavra de Deus” não fosse obedecida. Resultado, tudo o que elas disseram, em um passado remoto, está se cumprindo na atualidade. Então, não há outra conclusão a se fazer, a não ser admitir que elas eram verdadeiras, e que o clero errou. Aliás, o histórico de erro do clero é algo realmente interessante. Basta citar a condenação que pesou durante 20 anos sobre as Santas Aparições de Jesus Misericordioso à Santa Faustina, e não foi por um “bispozinho” qualquer. Foi pelo próprio papa da época. Se não fosse a atuação do então Cardeal Karol Józef Wojtyła, futuro Papa João Paulo II, estas aparições estariam condenadas até os tempos atuais, e, certamente, você seria um grande opositor delas, não é? Infelizmente, como atualmente o número de Cardeais, e clérigos em geral, com este nível de espiritualidade é praticamente nulo... tadinha das aparições... snif. Praticamente nenhum deles entende de Teologia Mística, o estudo apropriado para se avaliar as aparições e estudá-las.

Além do mais, as aparições de La Salette, Lourdes e Fátima, para quem conhece mais a fundo sua história, verá que elas na verdade não foram aceitas pelo clero. Muito pelo contrário, este as combateu com todas as suas forças. Na realidade, o que ocorreu, é que os fiéis praticamente as fizeram descer goela abaixo na garganta do clero, de tal modo, que eles não tiveram outra opção a não ser aprová-las. E, mesmo nestas que foram aprovadas, o estrago que o clero fez é algo incomensurável. Não as divulgou como deveria; se o corpo incorrupto de Santa Bernadete estivesse no Santuário de Lourdes iria converter milhões de fiéis, no entanto está praticamente escondido no convento de Nevers; o corpo incorrupto de Santa Jacinta foi escondido dos fiéis; a esmagadora maioria dos vaticanistas da Itália é de acordo que, até hoje, o terceiro segredo de Fátima não foi revelado em sua integralidade; a consagração da Rússia não foi feita como Nossa Senhora pediu até os dias atuais, etc... E isso, só para citar os danos que me vem à mente neste momento.

No Santuário das Aparições de Jacareí, o Profeta Marcos está resgatando tudo aquilo que a Igreja e a sociedade tanto se esforçaram para extinguir, os escapulários, medalhas, mensagens, enfim, a salvação do mundo que Nossa Senhora nos revelou e ofereceu com tanto amor ao longo de suas aparições na história. Sem dúvida, lá está se cumprido a passagem da Escritura na qual se diz: “Por isso, todo escriba instruído nas coisas do Reino dos céus é comparado a um pai de família que tira de seu tesouro coisas novas e velhas...” Mt 13,52 É uma nova aparição que resgata todas, até as mais antigas. Portanto, se ainda quiserem seguir a doutrina da cabeça deste cara de que não precisamos de aparições, o problema é de vocês. Aliás, se formos pensar bem, porquê Deus, Nossa Senhora os anjos e os santos apareceriam, né? Afinal de contas, nosso mundo está uma verdadeira maravilha, não é? Não temos problemas de droga, prostituição, corrupção, degradação moral, depressão, decadência da Igreja, violência, roubos, assassinatos, guerras, miséria..., todos os sacerdotes são verdadeiros Serafins de santidade, enfim, o Vaticano está dando conta do recado... Só não está apresentando um desempenho melhor devido a um “pequeno” probleminha de tráfico de influência entre os altos clérigos, desvio de verbas do banco do Vaticano, looby gay entre os padres, pedofilia generalizada, um papa progressista e comunista..., mas, afinal de contas, são probleminhas fáceis de serem solucionados, né? É... Em um mundo maravilhoso e em ótimo funcionamento como esse, realmente não entendo o motivo de tantas aparições..."